Mini projeto de engenharia -gestao de projetos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2877 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS















GERÊNCIA DE PROJETOS DE ENGENHARIA














JUNHO 2009

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS
DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA









GERÊNCIA DE PROJETOS DE ENGENHARIA









Priscilla Pereira Maia










JUNHO 2009
Sumário

1.0 Introdução 4
2.0 Gerenciamento de projetos 5
2.1. Oque é um projeto 5
2.1.1 Ciclo de projeto 5
2.2. Gerenciamento de Projetos 6
2.2.1. O que é? 6
2.2.2 Como surgiu o gerenciamento de projetos 6
2.2.3. Contribuição do gerenciamento de projetos 6
2.2.4 Ferramentas e Técnicas 6
2.2.5 Implantação 7
2.2.4 Restrições 8
A organização precisa estar comprometida com o projeto, caso contrario as estimativas deprazo e de custo podem não ser realistas. Isso inclui a conhecimento de como utilizar o gerenciamento de projeto, pois utilizar algumas ferramentas por pressão do mercado é outra restrição para o sucesso do projeto. 8
2.3. Certificação PMP 8
2.3.1. O que é a Certificação PMP? 8
2.3.2 Porque receber uma Certificação de PMP? 8
2.3.3. Áreas de conhecimento do Gerenciamento de projetos9
3.0 ANEXO 10

1. Introdução


Em tempos de demanda aquecida e de forte competitividade na economia global, gerenciar projetos de forma eficaz passou a ser não só estratégico para as empresas que buscam ampliar seus negócios, mas também um grande quebra-cabeça, cuja montagem pode determinar o sucesso ou o fracasso de qualquer empreendimento já na sua fase de implantação.Assim, observando a expansão cada vez maior desse tipo de gestão, viemos através deste relatório apresentar essa técnica que, tamanha é sua importância que até, possui certificação internacional.
Assim não só gerenciamento é apresentado como também os conceitos do PMI.



2.0 Gerenciamento de projetos

2.1. O que é um projeto
Dentre muitas definições, a adotada pelo PMI ProjectManagement Institute (Instituto de Administração de Projetos) diz tudo em poucas palavras: “Um esforço temporário empreendido para criar um produto ou serviço único”.Isso implica em datas de início e fim definidas e um resultado diferente daquele produzido no curso da rotina operacional.
Um projeto é uma atividade bem distinta de uma atividade contínua em curso e a não distinção entre essesconceitos pode trazer o fracasso, visto que projetos confusos com operações continuadas desalinham os objetivos e metas.
A titulo de diferenciação faz-se saber que um projeto possui duração fixa, perspectiva limitada, objetivos precisos, resultados únicos e específicos e controle dominante. A atividade em curso é um esforço contínuo, estável, repetitivo e consistente. As pessoas desempenham asmesmas tarefas a cada ciclo do projeto e o controle de produtividade é estabelecido em torno de metas de produção.

2.1.1 Ciclo de projeto
Todos os projetos são divididos em fases e, sejam grande ou pequenos, têm um ciclo de vida parecido. No mínimo, um projeto terá uma fase inicial ou a iniciação, uma fase (ou fases) intermediárias (s) e uma fase final. O numero de fases depende dacomplexidade do projeto. Todas as fases coletivas que o projeto avança em conjunto são denominadas ciclo de vida do projeto.
O término de cada fase concede ao gerente do projeto a oportunidade de determinar se o projeto deve avançar para a fase seguinte. As fases do projeto evoluem através do ciclo de vida em uma serie de “handoffs”. Geralmente, o final de uma fase marca o inicio de outra.Por exemplo, no setor da construção civil, os estudos de viabilidade ocorrem, em geral, na fase inicial do projeto. O objetivo do estudo de viabilidade pode ser determinar se compensa empreender o projeto e se ele será lucrativo para a construtora. A conclusão e a aprovação do estudo da viabilidade alavancam o inicio da fase de planejamento e elaboração.
Cada fase tem um resultado pratico...
tracking img