Mimi

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3511 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Elogio ao banal
por Thiago Rodrigues1 Discente do curso de Cinema e Audiovisual da UFPel

Every word is like an unnecessary stain on silence and nothingness.2 Samuel Beckett

José Luiz Fiorin, renomado professor e linguista brasileiro, especialista em Pragmática, Semiótica e Análise do Discurso, começa seu artigo A noção de texto na

Semiótica, descrevendo um embate histórico entre osadeptos de duas formas diferentes de análise, os adeptos de mecanismos intradiscursivos, e os adeptos de mecanismos interdiscursivos. Os primeiros acusavam os segundos de “serem cegos para os mecanismos de estruturação do texto, não reconhecendo a especificidade linguística do discurso” (FIORIN, 1989, p. 164), enquanto recebiam críticas dos mesmos onde eram tachados de reducionistas alheios aHistória, tendo uma visão empobrecedora do texto.

Embora a Semiótica francesa preocupe-se em estudar os mecanismos que engendram o texto, postulando que a análise do conteúdo deve ser feita em separado da expressão, Fiorin reforça a ideia de que não precisam haver desconfianças mútuas, “já que (…) as teorias do discurso, ao ressaltar mecanimos intradiscursivos ou interdiscursivos, estão trabalhando comaspectos complementares da textualização e não com ângulos excludentes na abordagem do uso linguístico” (FIORIN, 1989, p. 164).
thiago.rge@gmail.com Em entrevista concedida à revista Vogue de dezembro de 1969.
2 1

Los Muertos (Lisandro Alonso, 2004)

Partindo da premissa essencial desse conceito (i.e., de

198

199

que o interdiscursivo consegue abrir novos ângulos de leitura), esteartigo pretende analisar a narrativa e a utilização do tempo na obra de um dos mais radicais cineastas do denominado nuevo cinema argentino (ao lado de diretores como Lucrécia Martel e Pablo Trapero), o diretor, montador, roteirista e produtor, Lisandro Alonso, apontando possibilidades para sua recusa comercial.

todas as suas numerosas visões da realidade e da vida inserida nela (MCKEE, 2006),e, dentro desse universo, as narrativas estão localizadas entre os vértices dessa relação. Pode-se comprovar essa afirmação a partir dos arquétipos apresentados pelo mesmo, como Arquitrama, Minitrama, Antitrama e Não Trama.

Isto é, por mais que o cinema de Alonso se “recuse” Para isso, vão ser traduzidos trechos de entrevistas dadas pelo diretor a dois sites norte-americanos especializados emcinema: Rampus e Twich. Além disso, para a análise da narrativa, serão utilizados os conceitos de dois teóricos da área, com destaque para o norte-americano Robert McKee, enquanto que para a análise da utilização do tempo nos filmes do diretor, serão utilizados, em destaque, alguns conceitos explorados pelo filósofo francês Gilles Deleuze. a construir uma história clássica em seus moldes(arquitrama), ao mesmo tempo, possui algumas

características da mesma. Na definição dessa, por exemplo, estão algumas características aplicáveis ao seu cinema, como o personagem principal e o tempo contínuo. É claro, certamente o arquétipo de que mais aproximam-se seus filmes, em especial La libertad e Fantasma, é o da Não Trama, onde o arco narrativo parece manter-se estático, e as cargas de valores devida dos personagens no final do

As nArrAtivAs de LisAndro ALonso - A não trAmA

filme são virtualmente idênticos aos do começo.

La libertad (2001) e Fantasma (2006) destacam-se em Um dos territórios onde Lisandro Alonso é mais virtude da existência questionável de pontos de viradas (“plot points”) em Los muertos (2004) e Liverpool (2008). No primeiro, após Vargas (Argentino Vargas) matarseus irmãos, a história é revertida em outra direção. E, ao final, ao descobrir sobre a morte de sua filha e a existência de seus netos, é sugerida uma mudança. Entretanto, ele age com frieza, contrariando qualquer princípio humanista. Ou seja, esses pontos de virada podem ter trazido alguma Parece ser uma tendência o pensamento generalizante de que histórias aristotélicas são as de grandes...
tracking img