Mielopatia degenerativa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2436 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Arq. Bras. Med. Vet. Zootec., v.61, n.3, p.585-589, 2009

Avaliação ultrassonográfica da anomalia vascular portossistêmica em cão: relato de caso
[Ultrasonographic evaluation of portosystemic vascular anomaly in dog: a case report]

M.A.R. Feliciano1, C.A.L. Leite2, A.C. Nepomuceno3, T. Silveira4,
R.A.L. Muzzi2, W.R.R. Vicente5
1
Aluno de pós-graduação - FCAV-UNESP – Jaboticabal, SPDepartamento de Medicina Veterinária - UFLA – Lavras, MG
3
Médica veterinária residente - UFLA – Lavras, MG
4
Médica veterinária autônoma – Lavras/MG
5
Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias - UNESP – Jaboticabal, SP
2

RESUMO
Relata-se a avaliação ultrassonográfica, com auxílio do Doppler em cores, da anomalia vascular
portossistêmica em um cão da raça Poodle Toy, que apresentouedema pulmonar e alterações
gastrintestinais. Ao exame ultrassonográfico, foram observados vasos portais dilatados e tortuosos. Esses
resultados associados aos achados clínicos e laboratoriais permitem identificar a anomalia vascular
portossistêmica no paciente.
Palavras-chave: cão, malformação vascular, fístula portossistêmica, ultrassom
ABSTRACT
It was reported the ultrasonographicevaluation, assisted to Doppler color, of the portosystemic vascular
anomaly in a Poodle Toy dog. The dog was referred with lung edema and gastrointestinal alterations. At
ultrasonographic exam, portal vessels were extended and tortuous. These findings associated to clinical
and laboratorial findings, allowed to identify the vascular portosystemic anomaly in the patient.
Keywords: dog, vascularmalformation, portosystemic fistula, ultrasound
INTRODUÇÃO
A ultrassonografia pode ser utilizada para avaliar
uma variedade de doenças invasivas e nãoinvasivas que afetam o parênquima hepático dos
animais (Nyland e Park, 1983; Johnson, 2003).
As anormalidades vasculares podem ser
detectadas por exame ultrassonográfico, com
possibilidades de diagnóstico da anomalia
vascular portossistêmica (AVPS)(Nyland e Park,
1983; Johnson, 2003). Dentre as alterações
vasculares que interferem na fisiologia hepática,
são descritas as anomalias vasculares
portossistêmicas, que podem ser intra ou extrahepáticas e as fístulas arteriovenosas (Johnson,
2003; Fox et al., 2004; Leveille-Webster, 2004).
Os desvios intra-hepáticos são classificados de
Recebido em 30 de junho de 2008
Aceito em 9 de marçode 2009
E-mail: marcusfeliciano@yahoo.com.br

acordo com sua localização no órgão e sua forma
de apresentação (Lamb e White, 1998).
A anomalia vascular portossistêmica é uma
malformação venosa que provoca anastomose da
circulação sistêmica ao sistema porta, permitindo
que o sangue portal desvie do fígado (circulação
hepatofugal). Essa alteração pode ser intra ou
extra-hepática e,geralmente, apenas um vaso é
acometido (Johnson, 2003). No entanto, existem
relatos de animais que apresentam desvios
portossistêmicos
intra
e
extra-hepáticos
concomitantes.
A circulação hepatofugal elimina os metabólitos
do sistema hepatocelular do sangue portal, que
contêm toxinas derivadas do intestino. Dessa
forma, essa alteração pode causar o

Feliciano et al.

desenvolvimentoepisódico de encefalopatia
hepática associada à ingestão de alimentos ricos
em proteína, sangramento gastrintestinal,
azotemia, distúrbios eletrolíticos, transfusão
sanguínea, infecções e administração de certos
fármacos. Os sinais neurológicos estão
relacionados à encefalopatia hepática, que
promove alterações comportamentais, ataxia,
alterações da visão, convulsões e andar em
círculo.
Aperfusão
hepática
torna-se
comprometida e a ausência de fatores
hepatotrópicos resulta em micro-hepatia. Em
seguida, ocorre hiperamonemia e déficit na
transformação de ácido úrico à alantoína,
causando cristalúria ou urolitíase amoniacal. Na
urinálise encontram-se hipostenúria e cristalúria
de biurato de amônio, substância que em
condições normais seria biotransformada pelo
fígado. Os...
tracking img