Micrometro e paquimetro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1228 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Capítulo 3: Uso do Paquímetro e do Micrômetro


Paquímetro ou Cálibre de Vernier

É utilizado para medir: comprimentos, profundidades, diâmetros externos e internos de peças, com precisão da ordem de 10-2 mm. Desde que, as extensões das grandezas lineares a serem medidas não ultrapassem 200 mm, o paquímetro é o instrumento que se presta para tal fim.Descrição do Paquímetro:
No cursor (este desliza sobre a haste) encontram-se parte da orelha, o encosto móvel e a gravação da escala especial - Nônio ou Vernier - que permite efetuar leituras de frações da menor divisão da escala.
A pressão do dedo polegar contra o impulsor deve ser suave, para que o encosto móvel dê contato com a peça, sem ficar forçado.
Leitura de um Nônio (ou Vernier)0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 escala (e)

0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 nônio ( n )

relação entre as escalas principal e do nônio: 9.e = 10.n
O que caracteriza o paquímetro é a escala especial acoplada à escala principal. Ela éconhecida como nônio ou vernier, em homenagem aos seus inventores Pedro Nunes e Pierre Vernier. Permite obter medidas lineares (ou angulares - goniômetro) menores que a menor divisão da escala principal. Adotaremos para simplificação: escala especial ( nônio (n); escala principal ( escala (e)




Na figura anterior, a menor divisão da escala principal é e = 1 mm. A escala do nônio,porém, é n = 0,9 mm.
É fácil ver que, quando os zeros das escalas coincidem a distância entre dois traços identificados pelo nº1, no nônio e na escala, é igual a 1/10 de milímetro; do mesmo modo, as linhas identificadas pelo nº 2 resultam entre sí, segmento de 2/10 de mm e assim por diante (figura abaixo).
0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 1011 e1 - n1 = 0,1 mm
e2 - n2 = 0,2 mm
0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 nônio ( n ) e3 - n3 = 0,3 mm
e4 - n4 = 0,4 mm0,1 0,2 0,3 0,4 .......


Desta forma, da menor divisão da escala principal e = 1 mm e da menor divisão da escala do nônio pode-se avaliar uma medida com resolução de até 0,1 mm ou seja, no exemplo, a leitura terá resolução (r) de 0,1 mm (décimo de milímetro).

0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 110 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
L

Veja um exemplo de leitura num paquímetro com nônio de 10 divisões, ou seja 0,1 mm de resolução:







Na figura, o nônio está deslocado. A distância entre zeros é L, que indica a medida linear.

0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 1011

0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10

0,7 mm 0,3 0,2 0,1 1º traço
coincidente
Anote o nº de divisões da escala, até antes do zero do nônio, no caso 2e = 2 mm, mas L = 2e + (fração de e). A fração corresponde à extensão entre o traço 2 daescala e o traço zero do nônio. procure os traços da escala e do nônio coincidentes; no exemplo, o traço 7 do nônio. Portanto, deve-se ler: L = 2,7 mm.









A seguir, exemplos de leitura em paquímetros com resolução r = 0,05 mm:























Existem paquímetros cujo nônio possui 50 divisões (N=50) e a escala com e = 1 mm (menor...
tracking img