Micotoxinas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1748 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADES CATHEDRAL

Micotoxinas em alimentos

Boa Vista – RR
2011
FACULDADES CATHEDRAL

ALUNA: Cristiane da Silva Bezerra
Rejane Ramos da Silva

Micotoxinas em alimentos

Micotoxinas são compostos químicos venenosos produzidos por certos fungos. Há muitos desses compostos, mas apenas alguns deles são regularmente encontrados em alimentos e rações animais como grãos esementes. Entretanto, aqueles que realmente são encontrados em alimentos têm grande importância para a saúde do ser humano. Já que são produzidas por fungos, as micotoxinas são associadas com safras mortas ou mofadas, embora possa ser superficial a contaminação do mofo visível. São graves os efeitos de algumas micotoxinas relacionadas com alimentos, surgindo multo rapidamente sintomas de gravesdoenças. Outras micotoxinas que ocorrem em alimentos têm período mais longo de efeito crônico ou acumulativo sobre a saúde, incluindo principio de cânceres ou deficiência de imunidade.
São descritas diversas micotoxinas, encontradas em alimentos e rações animais, grãos e sementes de uso alimentar humano, e em alimentos derivados. Dentre estas, algumas ocorrem freqüentemente em alimentos,apresentando importância especial em países tropicais e emergentes.
A Exposição a uma toxina é inevitável neste mundo. Compostos usados em nossa vida cotidiana, como o uso de detergente, crônica de medicamentos, consumo excessivo de tabaco e cafeína, álcool e uma dieta pobre alta em alimentos processados e gordura são apenas alguns exemplos da exposição a toxinas indesejadas.
Geralmente, a contaminaçãopor micotoxinas se associa ao manejo inadequado das plantações e/ou ao estoque em condições inapropriadas dos produtos. Os principais fatores intervenientes são as condições de umidade e temperatura relacionados à armazenagem. A melhor forma de prevenção, portanto, é a secagem rápida e adequada do produto, que pode ser realizada através da exposição ao sol ou em secadores apropriados. O combate àspragas (que contaminam as sementes e promovem condições favoráveis ao crescimento dos fungos) também é indispensável.
É possível a detecção de fungos e aflatoxinas em sementes, monitoradas através de amostragem e realização de testes bioquímicos. Estes testes são utilizados para se estabelecer a aceitabilidade de limites de aceitação dos produtos para importação/exportação. Para a aflatoxina, porexemplo, o limite internacional é de 4 a 50 microgramas/Kg (ou partes por bilhão). Nos laboratórios mais modernos, já existem diversos testes padronizados, como testes de enzima-Imunoensaio (ELISA), cromatografia em camada delgada (TLC), cromatografia líquida de alta performance (HPLC), espectrofotometria de massa (MS) e outros métodos]. Para a fidedignidade dos resultados, é importante a coletade amostras representativas do lote de sementes analisado, por meio de técnicas pré-determinadas, o que oferece algumas dificuldades.
Informações sobre micotoxinas relacionadas com alimentos são ainda multo incompletas, mas há conhecimento bastante para identificá-las como um problema grave em multas partes do mundo, causador inclusive de perdas econômicas significativas.
Há cinco micotoxinas,ou grupos de micotoxinas, que ocorrem com bastante freqüência em alimentos: deoxinivalenol/nivalenol; zearalenona; ocratoxina; fumosinas; e aflatoxinas.
Suas propriedades tóxicas podem ser agudas (podendo ser identificados efeitos como gastroenterites subagudas ou crônicas. Os efeitos crônicos podem ser difíceis de determinação, visto que geralmente exigirem a ingestão moderada ao longo dotempo.
Os fungos capazes de produzir toxinas em alimentos dividem –se em dois grupos principais:.
Os fungos de campo, que atacam os vegetais antes da safra. Dentre esses, destacam-se: Os patógenos de plantas, a exemplo do Fusarium graminearum;
Os fungos que crescem em plantas doentes ou estressadas, a exemplo do Fusarium moniliforme e Aspergillus flavus.Os fungos que, surgindo na planta antes da...
tracking img