Meu trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6225 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
operacionais e transmitir mais confiança e segurança na relação de trabalho. A Folha Rotinas Trabalhistas
INTRODUÇÃO

As Rotinas Trabalhistas e contabilização são formados por um conjunto de fatores, busca além de relatar o processo de contabilização de uma empresa, transformar os dados em informações, mediante procedimentos próprios. O tema desenvolvido tem como uma estrutura que procuraevidenciar alguns aspectos, componentes e seus fatos e firmados alguns conceitos.

ROTINASTRABALHISTAS
As atividades da relação trabalhista estão cercadas de funções importantes que devem ser observadas de forma legal, não apenas pela ótica administrativa, mas pelas obrigações e conseqüências jurídicas que os atosprovocam. Atentar para essas obrigações permitirá que a empresa e o empregado possa evitar multas, transtornos de pagamento, por sua vez, tem função operacional, contábil e fiscal, devendo ser constituída com base em todas as ocorrências mensais do empregado. É a descrição dos fatos que envolveram a relação de trabalho, de maneira simples e transparente, transformado em fatores numéricos, atravésde códigos, quantidade, referências, percentagens e valores, em resultados que formarão a folha de pagamento. O recibo de pagamento de cada empregado é a parcela que contribuirá com a formação da folha de pagamento. Será ele constituído de vencimentos, descontos, demonstração da base de cálculo de INSS, IRRF e FGTS, bem como seus respectivos descontos, e o seu resultado como valor líquido que oempregado receberá.
Contribuição sindical:
Contribuição sindical é obrigatória e deve ser recolhida anualmente, de uma só vez e paga por todos aqueles que participem de uma determinada categoria econômica ou profissional. Isto é regulamentado pela CTL (Consolidação das Leis do Trabalho), no artigo 578. Desconto de INSS e IRRF dos empregados: O desconto de INSS é a contribuição inevitável a todosos empregados. A empresa desconta do empregado e recolhe aos cofres públicos juntamente com a sua...
Inss
Previdência Social ou Providência social. É um seguro social, mediante contribuições previdenciárias, com a finalidade de prover subsistência ao trabalhador, em caso de perda de sua capacidade laborativa. A Previdência Social é administrada pelo Ministério da Previdência Social e aspolíticas referentes a essa área são executadas pela autarquia federal denominada Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Todos os trabalhadores formais recolhem, diretamente ou por meio de seus empregadores, Contribuições Previdenciárias para o Fundo de Previdência. No caso dos servidores públicos brasileiros, existem sistemas previdenciários próprios. O artigo 201 da Constituição Federal brasileiraprevê o Regime Geral da Previdência Social.Originalmente uma competência do poder público, esta também é oferecida comumente por iniciativa de organizações não-governamentais (ONGs) e organizações religiosas.
Inúmeros entes privados (particularmente instituições financeiras) também oferecem planos de previdência complementar, também chamada de previdência privada. Classificação
A previdênciasocial é política pública integrante da Seguridade Social. Não deve ser referida como tal, pois segundo a Constituição brasileira em seu título VIII (da Ordem Social), nos artigos 194 a 204, está sistematizada a organização de seguridade como o conjunto de ações envolvendo não só a previdência, mas também a saúde pública e a assistência social.
Histórico da Previdência
A Previdência Socialbrasileira já passou por várias mudanças conceituais e estruturais, envolvendo o grau de cobertura, o elenco de benefícios oferecidos e a forma de financiamento do sistema. Uma análise de cada fase histórica da Previdência Social permite verificar os progressos alcançados ao longo de sua existência. Neste sentido, foram aqui reunidos os principais fatos que resumem a história da Previdência Social...
tracking img