Metodos ageis

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4865 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS
CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE PALMAS
BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

ENGENHARIA DE SOFTWARE, Professor Paulo Cavalin.

MÉTODOS ÁGEIS

Acadêmico:
Flávio Fernandes de Melo.

PALMAS 2011
UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS
CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE PALMAS
BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

ENGENHARIA DE SOFTWARE, Professor Paulo Cavalin.

MÉTODOSÁGEIS

Estudo acerca dos métodos ágeis conduzido pelo professor Paulo Cavalin na disciplina de Engenharia de Software.

Acadêmico:
Flávio Fernandes de Melo.

PALMAS 2011

Sumário
1 – Introdução 3
2 – Extreme Programming 4
2.1 – Práticas do XP 4
2.2 – Equipe XP 5
2.3 – Vantagens do XP 6
2.4 – Desvantagens do XP 6
3 – Scrum 7
3.1 – Fases do Scrum 7
3.2 – Equipe do Scrum 7
3.2 –Vantagens do Scrum 8
3.3 – Desvantagens do Scrum 8
4 – Desenvolvimento guiado por funcionalidades (FDD) 9
4.1 – Praticas do FDD 9
4.2 – Equipe FDD 10
4.3 – Vantagens do FDD 11
4.4 – Desvantagens do FDD 11
5 – Processo Unificado (RUP) 11
5.1 – Estruturas Estáticas 11
5.1 – Estruturas Dinâmicas 12
6 – Comparação entre os Métodos 12
8 – Conclusão 15
9 – Referencias Bibliográficas 15


1– Introdução

Como o crescimento do mercado de sistemas computacionais vem aumentando ao passar dos anos, e também a complexidade e tamanho dos softwares, torna necessário a utilização de métodos e praticas que tornem possível construí-los de forma organizada, facilitando sua produção com alta qualidade e de maneira rentável.
Uma questão a ser notada no processo de desenvolvimento, é que aentrega de softwares em prazos e custos estabelecidos nem sempre é garantida. Para ajudar nessa questão, podemos explicitar os métodos ágeis. Segundo Highsmith e Cockburn o objetivo desses métodos é o de obter um desenvolvimento de software mais adequado ao ambiente turbulento dos negócios que exige mudanças rápidas e frequentes.
A seguir serão abordados alguns desses métodos ágeis como o ExtremeProgramming(XP), Scrum, Desenvolvimento guiado por funcionalidades (FDD) e o método RUP.

2 – Extreme Programming

O Extreme Programming(XP) é provavelmente o método ágil mais popular, ele é direcionado para equipes pequena em media de até 10 pessoas, baseando-se em conceitos novos e vários já utilizados para desenvolvimento em nível acadêmico. Dessa forma os principais conceitos do XP são:• Equipe;
• Planejamento;
• Versões do Software;
• Programação em Par;
• Design Evolucional;
• Integração do Sistema;
• Estilo Consistente;
• Protótipo.

E seguindo esses conceitos, para atingir o sucesso nesse tipo de projeto, o XP prega 4 valores fundamentais e 12 práticas que, conforme o próprio nome do método sugere, são levadas ao extremo. Em relações as valores seguidos o XP prega:• Coragem – capacidade de correr riscos e assumir desafios se estes favorecerão o projeto.
• Comunicação – garantir uma comunicação frequente entre as partes envolvidas do projeto, tanto equipe de desenvolvimento como os clientes.
• FeedBack – permitir uma realimentação de informações de forma rápida e frequente.
• Simplicidade – desempenhar atividades da forma mais simples, porém funcional.2.1 – Práticas do XP

As práticas do XP não são novidades: ele reúne práticas de implementação e gerenciamento em um conjunto coerente, acrescentando as idéias de processo.

1. O Jogo do Planejamento (The Planning Game): Define como planejar, ou seja, determina rapidamente o escopo das próximas versões, combinando as prioridades de negócio e as estimativas técnicas.
2. Pequenas Versões(Small releases): Entregar algo ao cliente de forma rápida e frequente. A equipe deve colocar rapidamente um sistema simples em produção, uma versão pequena, e depois entregar novas versões em poucos dias ou poucas semanas.
3. Metáfora (Metaphor): Criar uma metáfora que expresse de maneira simples e clara a idéia do sistema a ser construído. Ela fornece uma visão comum do sistema e guia o seu...
tracking img