Metodologia cientifica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2554 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1. Introdução
Quero iniciar essa reflexão me valendo da visão do Prof. Dr. Ronaldo Laranjeira, coordenador da Unidade de Pesquisa em Álcool e Drogas da Universidade Federal de São Paulo, a respeito do debate surgido acerca da legalização do uso de maconha no país. No artigo “Legalização de drogas no Brasil: em busca da racionalidade perdida”, o professor chama a atenção para o fato de as pessoasse posicionam contra ou a favor da legalização sem estarem devidamente esclarecidas a respeito do assunto.
Na verdade o teor ideológico da discussão sobressaiu aos questionamentos que deveriam nortear nosso posicionamento. O artigo do Dr. Laranjeira nos leva a avaliar a racionalidade e a oportunidade desse debate. E mais ainda, ele desafia o leitor a tentar estabelecer pontes com outras drogasde abuso (causas e efeitos sociais). Ao considerarmos o que propõe o autor do artigo citado ficamos, talvez, menos imparciais aos dados sobre o efeito da legalização de uma droga – sobretudo propor uma alternativa de política de drogas que seja baseada em objetivos claros, com vista para caminhos menos nocivos para uma sociedade que ainda não descobriu coerência legislativa e judiciária.
Com baseem estudos realizados, o Dr. Laranjeira apresenta pontos que devem permear a nossa reflexão. Ele identifica três modelos teóricos de pensamento em relação ao problema. Vamos denominá-los aqui de modelos A, B e C:
O mais importante nas considerações aqui apresentadas é que as evidências mostram que a abolição das leis teria um efeito maior nas pessoas que comumente não consomem drogas.O  modeloA defende a proibição total do uso de drogas. Entretanto esse modelo de pensamento tende a aumentar o crime que estaria associado ao uso ilegal de uma substância, a maior corrupção social, ao nível mais impuro da droga no mercado negro, e à dificuldade das pessoas buscarem ajuda em relação a um comportamento ilegal. O modelo B, por outro lado, que defende a completamente legalização da maconha,aumentaria o consumo entre os mais jovens – a exemplo do álcool e cigarro -, gerando complicações escolares, e com possibilidades de aumento de crimes menos violentos para conseguir pouco dinheiro para consumir drogas. O modelo C defende uma ideia alternativa, baseada em resultados, e flexível, levando-se em conta momento histórico que vive a sociedade, onde o foco é sempre diminuir o consumo global dequalquer tipo de droga.
O mais importante nas considerações aqui apresentadas é que as evidências mostram que a abolição das leis teria um efeito maior nas pessoas que comumente não consomem drogas potencialmente, levando um maior número de pessoas a experimentarem e a se tornarem usuários regulares ou esporádicos.

2. Definição do Problema
Esta pesquisa, pretende responder à seguintequestão: A legalização das droga, hoje ilícitas, acabaria definitivamente com o Crime organizado?

3. Definição de Hipóteses.
“ Se o mal maior da humanidade está nas drogas, por que motivo, razão ou circunstancia alastrar mais esse mal”?
“Um dia disseram que a droga inevitavelmente seria legalizada. Mas eu sei que a Justiça pode evitar o ‘inevitável’ “.
“ Se as drogas forem legalizadas, aí sim omundo Será definitivamente uma droga”.
“ O crime não compensa. As drogas menos ainda, pois elas, são o caminho mais ágil para a criminalidade”.
“ Se as drogas forem legalizadas, a humanidade entrar em um caos tão grande, que não saberemos mais o que é certo ou errado”.
“ A legalização das drogas, é um caminhos mais fácil para encher os cofres públicos”.

4. Definição de Objetivos.
4.1 ObjetivoGeral
Alertar a população de que a legalização das drogas, hoje ilícitas, não contribuiria em nada para banir o crime organizado. Alertar e incentivar o maior numero de pessoas possível, para estudarem mais aprofundadamente sobre o assunto; e ver qual a realidade do nosso país quanto ao tema.

4.2 Objetivos Específicos
Analisar a legislação de drogas do Brasil.
* Conhecer a...
tracking img