Metafisica

Páginas: 6 (1384 palavras) Publicado: 2 de outubro de 2014
Eis as perguntas e as consequentes respostas:
1) Mostrar a explicação para a imbricação entre ser e dizer.
A imbricação entre ser e dizer, explicitada por Aristóteles no “tratado das Categorias”, demonstra a associação entre o ser e suas variadas predicações (ou categorias) que o definem em diversos sentidos: a qualidade é dada por uma cor, a quantidade pela largura e isto se sucede nosdemais tipos gerais, sendo eles: a substância, o relativo, o onde, o quando, o estado, a disposição, a ação e a paixão (o sofrer algo). Aristóteles utiliza-se dessa expressão “o ser se diz de muitos modos” também por intermédio de uma justificação pela linguagem, ressaltando a diferença entre as afirmações “o ser se diz” e “o ser é de muitos modos”, onde para ele, esta última, atribuída a Teofrasto,seu discípulo, cai em uma redundância linguística (o psitacismo) causada pela existência de termos subentendidos em outros, evitando o estabelecimento de uma metafísica objetiva, livre de equívocos.
2) A questão do número das categorias.
No “tratado das Categorias”, Aristóteles partindo da concepção do ser dito de (a espécie é dita do homem) e estar em (a palidez está no homem) enumera as seispredicações ou características essenciais à substância sensível e, além disso, irredutíveis umas às outras e limitadas em número, pois o ser não se perde em incontáveis tipos. Primeiramente, ele expõe 10 atributos, porém logo após, agrupando determinadas qualidades em um único contexto, reduz a 8 nos “Segundos Analíticos” e por último enumera 6 categorias, dentre elas a de movimento, que na“Metafísica” serão reformuladas para compor um único campo do ser que é a forma, visto que a prioridade dada à substância primeira em relação à segunda incitava o modo de qualificação piramidal ou de graus do ser, ideia platônica que o filósofo estagirita queria fugir.
3) A distinção entre substância primeira e substância segunda.
A substância primeira é algo individual, um ‘isto’, ou seja, representa osindivíduos ou demais coisas que podem receber predicações por meio das substâncias segundas (são elas: o gênero, a espécie, as cores, etc.) que são elementos universais, designando atributos de uma classe de seres vivos ou outras coisas existentes e inanimadas como substâncias primeiras. Vejamos como exemplo, “Sócrates é um ser humano”: “Sócrates” é o indivíduo, é o particular, por último, serhumano é a espécie que costuma ser dita de todos nós. Vale lembrar, que a substância segunda em relação à substância primeira exerce uma forte interdependência intrínseca, ou seja, para que haja a substância segunda deve existir a primeira, exemplificando: para que venha ocorrer a denominação “ser humano” é necessário a existência do particular, do indivíduo, que é Sócrates.
4) As seiscaracterísticas da substância nas “Categorias”.
Nas “Categorias”, Aristóteles dá as seis características essenciais à substância sensível: I- nenhuma substância é inerente a outra coisa; II- tudo o que é dela o é univocamente; III- a substância designa um algo determinado; IV- não há contrário da substância; V- a substância não é suscetível de graus; VI- a substância pode receber contrários.
Acaracterística VI será reformulada por Aristóteles na “Metafísica” ao tratar da substância não sensível ou primeiro motor, pois se a substância recebesse contrários, isto é, mudanças, partiria para a área de abrangência única da substância sensível. Todas as características acima, nas “Categorias”, partem da relação ‘ser dito de’ e ‘estar em’, sendo abandonada na “Metafísica” pelo conceito de forma e matéria outeoria hilemórfica.
5) A substância não-sensível (Livro XII da “Metafísica”): semelhanças e diferenças com as “Categorias”.
A semelhança do livro XII da “Metafísica” com o “tratado das Categorias” está em uma análise regional do ser feita por Aristóteles, onde nesta regionalização o filósofo estagirita ainda não conseguiu chegar a uma ciência do ser enquanto ser, a uma metafísica. Pois,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • metafisica
  • metafísica
  • Metafisica
  • A metafísica
  • Metafísica
  • metafísica
  • Metafísica
  • Metafísica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!