Mercado brasileiro e internacional do vinho e suco de uva

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 40 (9978 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO

Podemos estimar que a uva utilizada na produção do vinho, suco e outros derivados vêm sendo cultivada a aproximadamente 2 milhões de anos. As uvas que originam os melhores vinhos são da espécie Vitis vinifera de origem européia [1] no Brasil as principais variedades de uvas utilizadas para a produção de vinho são da espécie Vitis vinifera e possui as seguintes cepas: CabernetSauvignon, Cabernet Franc, Pinot Noir, Merlot, Syrah, Tannat, Chardonnay, Malvasia Bianca, Moscato Branco, Moscato Canelli, Prosecco, Riesling Itálico [2]. O vinho é uma bebida proveniente exclusivamente da fermentação alcoólica de uva madura e fresca ou suco de uva fresca [3].
A classificação dos vinhos é baseada na variedade da uva, que pode ser de mesa, Champanha e espumantes, Licorosos ecompostos, podendo em cada um destes serem tintos, rosados ou brancos [4]. Vários são os fatores capazes de afetar a qualidade de um vinho. Entre eles podem ser citados: o tipo de solo, as variações climáticas, o manejo da planta e o processo de vinificação [5]. Pesquisas relacionam o consumo moderado de vinho a benefícios à saúde humana, no que diz respeito à quimioprevenção de vários tipos de câncer,doenças hepáticas e senilidade [6]. Estudos ainda revelam que o consumo diário de vinho tinto previne o acidente vascular cerebral (AVC) [7].
Do ponto de vista nutricional, os principais constituintes do vinho são: água, etanol, açúcares, minerais (potássio, fósforo, magnésio, cálcio, sódio, silício, ferro, manganês, zinco, cobre, níquel, molibdênio, cromo, cobalto), vitaminas (ácidopantotênico, nicotinamida, vitamina B2, B6, biotina, ácido fólico), ácidos orgânicos (lático, tartárico, acético, málico entre outros), aminas bioativas (histamina, betafeniletilamina, tiramina), e traços de proteínas [8].
O suco de uva é uma bebida não fermentada, de cor, aroma e sabor característicos. Quanto à cor, pode ser classificado como tinto, rosado e branco. O aroma e o sabor devem ser próprios dauva que deu origem ao suco. Quanto ao processamento e constituição, o suco de uva pode ser classificado como, integral, concentrado, desidratado, adoçado e reprocessado [9]. Os principais constituintes do suco de uva são: água, açúcares, ácidos orgânicos, minerais, substâncias nitrogenadas, compostos fenólicos, vitaminas e pectina. No Brasil as principais cultivares de videiras utilizadas paraelaboração de sucos é a Concord, Isabel, Bordô e a Jacquez [10].
De acordo com o Instituto Brasileiro do Vinho (IBRAVIN) do total de produtos industrializados no Brasil, 77% são vinhos de mesa e 9% são sucos de uva. Cerca de 1% do total, são outros derivados da uva e do vinho. Grande parte da produção brasileira de uvas e derivados da uva e do vinho é destinada ao mercado interno. O principalproduto de exportação, em volume, é o suco de uva, sendo cerca de 15% do total destinado ao mercado externo; apenas 5% da produção de uvas de mesa é destinada à exportação e menos de 1% dos vinhos produzidos são comercializados fora do país [11]. 

2. OS BENEFÍCIOS DO SUCO DE UVA E DO VINHO PARA SAÚDE

Estudos desenvolvidos, no mundo inteiro, comprovam que o vinho, tomado em quantidade moderada,contribui para a saúde do organismo humano, aumentando a qualidade e o tempo de vida [12]. Os compostos aos quais foram atribuídos os possíveis benefícios a saúde são conhecidos como compostos fenólicos que se divide em flavonóides (catequina, epicatequina, quercetina, antocianinas, procianidas) e os não-flavonóides, entre eles o resveratrol (3,4´, 5-trihidroxiestilbene) que são uma classe decompostos naturais de considerável interesse científico e terapêutico [13] podendo ser encontrado principalmente em produtos derivados da uva tinta [14].
A quercetina (3, 5, 7,3’-4’- pentahidroxi flavona) é o principal flavonóide presente na dieta humana seu consumo diário estimado, varia entre 50 e 500mg [22]. Várias propriedades terapêuticas dos flavonóides, principalmente da quercetina, têm...
tracking img