Mentiras que parecem verdades

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (613 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
LEGISLAÇÃO!

Mentiras que parecem verdades (pg 77à 131)
Autores: Umberto Eco e Marisa Bonazzi)


A Educação cívica.


Uma educação entre as mais fáceis de ensinar,para crianças desde o primeiro ano onde não necessita de experiências concretas da criança. A convivência se torna um fato muito importante para a criança, ela convive com colegas desde o ônibus até aamizade na sala de aula.
Diante dessas experiências diárias, a criança é iniciada aos conceitos de liberdade, respeito ao próximo, solidariedade etc.
Não é educação cívica amar ospobres: é educação cívica compreender que e o que produz a pobreza e de que forma o pequeno cidadão poderá faze-la acontecer.


Os menores que trabalham.


Neste livro, a normaconstitucional e as leis para os menores que trabalham aparecem ausentes, não somente nada é feito para educar as crianças na defesa dos seus direitos, mas o fato de que elas podem e devem, trabalhar éexaltado.
São pequenas histórias de pequenos sapateiros, jornaleiros, ferreiros e etc, mas que trabalham feliz.








A História Nacional.


Aparecem textos querepetem as mesmas formulas do outro texto, havendo uma combinação.
Aparece claramente a preocupação de não ferir a sensibilidade de ninguém como a frase: “O fascismo era ruim, mas não sabemosse a resistência foi boa ou má.”
Um texto conta como é a vida no século XIV e no outro século XVI, deixando uma conclusão que no século XIV todos viviam mal e que no século XVI todos viviambem.


A nossa bela língua.


Uma língua banal, de rotina conhecida pelas crianças, útil para ensina-las a pedir informações, de conviver na sociedade.
Nossa língua é tãoforte e, ao mesmo tempo tão suave, pura, capaz de exprimir qualquer sentimento e qualquer idéia.


A Ciência e a Técnica.


Em alguns primeiros textos do livro, a ciência e a...
tracking img