Mentha piperita

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5640 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO
O gênero menta compreende cerca de 49 espécies diferentes de hortelãs e correlatos que pertencem à família Lamiaceae. Destacam-se pelo uso de chás tem em efeito medicinal, sendo bastante conhecidos principalmente pelo seu sabor característico e aroma refrescante. A hortelã-pimenta (Mentha piperita), híbrido de origem geográfica ignorada, descrito no fim do século XVII pelobotânico inglês J. Ray. Tal híbrido, proveniente do cruzamento de M. Aquática e M.spicata, é considerado a matriz de todas as variedades de hortelã hoje em cultivo.
Segundo a mitologia grega, a esposa enciumada de um deus grego, amaldiçoou Mentha, uma de suas Ninfas, transformando-a em hortelã, planta destinada a crescer nas entradas das cavernas que davam acesso ao inferno. A palavra"piperita" foi atribuída em alusão ao seu sabor apimentado. Os árabes tinham essa erva como sagrada, por seu perfume marcante. As mulheres romanas, proibidas de beber vinho, cuja pena para tal seria a morte, mascavam hortelã com mel, para disfarçar o hálito.
A hortelã era usada pelos árabes, nos banquetes, para regar as mesas e limpar o chão, a fim de estimular o apetite dos convidados.A planta chegou ao Brasil trazida pelos colonizadores.
No Brasil a hortelã pimenta foi intensamente cultivada entre os anos de 1963 e 1975, quando o país se tornou o maior produtor mundial. Devido aos métodos de cultivo embasados na fertilidade inicial dos solos virgens, recém-desmatados, seu cultivo começou a entrar em declínio à medida que as terras das fronteiras agrícolas doOeste de São Paulo e Norte do Paraná perderam suas cinzas remanescentes de queimadas da floresta original (MAIA, 1994).
Dois países destacaram-se na sucessão do Brasil como principais fornecedores mundiais de hortelã: China e Paraguai, havendo dúvidas se o primeiro permaneceria na posição devido às políticas internas de produção então adotadas (KIEFER, 1986)

A palavraMenta– do Latim- menta, do Grego Minthe, uma ninfa transformada em erva por Prosérpina.
Dicionário Aurélio: S.F. Designação cientifica comum a diversos tipos de hortelã
HORTELÃ – do Latim hortulanus, “referente à horta”, de hortus, “pátio cercado, jardim, verduras”, palavra que hoje subsiste como “horta’’.

Objetivo

O maior objetivo deste trabalho é esclarecer à população aimportância da menta em todos os seus aspectos, sejam eles no campo medicinal, culinário ou cosmético, apresentando a sua origem e eficácia.

Objetivo específico

Mostrar à população a menta como um ótimo tratamento para a Síndrome do intestino irritado.

Características


A Farmacopeia dos Estados Unidos do Brasil 1ª Edição (1926) descreve as folhas e sumidadesfloridas que constituem a droga vegetal. A hortelã pimenta é uma planta herbácea de caule quadrangular, ramoso, de 1 a 2 mm de diâmetro, com folhas pecioladas, ovais- oblongas ou oblongo-lanceoladas, acuminadas, desigualmente serreadas, de 5 a 9 cm de comprimento, de cor verde clara a pardo-purpurina, quase glabras na página superior e pubescentes na inferior, principalmente sobre as nervuras; ospecíolos são levemente pubescentes e medem de 5 a 15 mm de comprimento.
A inflorescência é composta de espigas terminais formadas de glomérulos axilares; as brácteas são oblongo-lanceoladas, nimiamente pontilhadas de glândulas e em geral de cor purpurina escura; a corola é de corpurpurino-arroxeada clara, tubular-campanulada, de cerca de 3 mm de comprimento, subregular, com quatro lobos, eglabra interna e externamente; os estames, em número de quatro, são quase iguais e inclusos.
A hortelã-pimenta possui cheiro forte, bastante aromático, característico e sabor especial, picante, aromático, que deixa na boca sensação de frescor agradável. Contém em sua composição Vitaminas A, B e C, Cálcio, fosforo, ferro e potássio, sendo um ótimo coadjuvante na alimentação, usado em...
tracking img