Menor infrator

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 155 (38630 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ÁUREA ALICE CAMPOS DE OLIVEIRA

O MENOR INFRATOR NA COMARCA DE VIÇOSA-MG:
FAMÍLIA, INSTITUIÇÕES E SOCIEDADE

Tese apresentada à Universidade
Federal de Viçosa, como parte das
exigências do Programa de PósGraduação em Economia Doméstica,
para obtenção do título de Magister
Scientiae.

VIÇOSA
MINAS GERAIS – BRASIL
2000

A Deus, acima de tudo.
À minha família.

ii

Mensagem aosmenores infratores de Viçosa e sua família

“Meu irmão que está debaixo da ponte
quem foi que te pôs neste lugar,
foi quem ainda não descobriu
o que na verdade é amar.”
Auto-estima: É preciso descobrir alguma qualidade em nós
mesmos e a partir daí seremos felizes. Para se conseguir autoestima é preciso ser feliz: ter trabalho, lazer e fidelidade, isto é, não
mudar sempre de rumo, seguiruma rotina, a inconstância não leva
à felicidade.
Fraternidade é ajudar o próximo sem querer nada em troca, é dizer
o que pensa sem magoá-lo, dando o melhor sem sentir-se mal.
Antes temos que conseguir e desejar fazer o bem a nós mesmos,
para depois chegarmos aos outros (próximo).
Ao nosso lado existe aquele que enfrenta a fila da injustiça, da
fome da miséria, jogado por aí, implorando paz,amor e igualdade,
a partir mesmo do direito de nascer.
Amor e compreensão é o mínimo que o jovem (adolescente)
precisa para ser feliz. Dê um pouco de atenção a este coração
sedento de amor. Ajude-o aprender a confiar no mundo e ter
esperança, mesmo neste ambiente de pessimismo e agressão.
Esperança e vida são construídas no Senhor, no amor maior. Sem
amor nada se consegue do ser humano,pois Deus nos ama e nos
quer sorrindo.
O caminho é oração em família, preservando toda a vida e gerando
compreensão e amor.

Tia Dadinha

iii

AGRADECIMENTO

Aos meus pais, por terem proporcionado a minha existência.
À Dra Marilda Aparecida Danelon, Juíza da 3a Vara Criminal da
Comarca de Viçosa, que me acolheu e permitiu que o trabalho de pesquisa
fosse realizado.
Às minhas irmãs,sobrinhos, sobrinhas e cunhados, pelo apoio e pela
dedicação, proporcionando carinho, confiança e acolhida, o que foi
imprescindível para que esta etapa de nossas vidas fosse concluída.
Especialmente às minhas colegas de turma, que souberam ouvir,
compreender e apoiar-me nos momentos mais difíceis e de crises.
À Viviane, por contribuir para o meu projeto de pesquisa.
À Azuete, que desde oprincípio soube compreender e auxiliar-me na
construção deste trabalho, mas pesarosamente não pôde acompanhar a
conclusão deste. Meu reconhecimento pela orientação.
Às minhas conselheiras Azuete Fogaça e Nerina Aires Coelho
Marques, e também aos demais membros da banca examinadora,
professoras Maria das Dores Saraiva de Loreto, Rita de Cássia Lanes
Ribeiro e Neuza Maria da Silva, pelas críticasconstrutivas, que foram
valiosas para a melhoria qualitativa deste trabalho.
Aos professores e funcionários do Departamento, em especial à
secretária Aloísia.

iv

À France, por ter assumido a tarefa de orientadora com carinho e
dedicação, motivando e incentivando a conclusão deste trabalho.
Aos menores infratores entrevistados e às suas famílias, o meu
agradecimento.
Enfim, a todosque, direta ou indiretamente, contribuíram para a
realização deste trabalho e, no entanto, ficaram no anonimato.

v

BIOGRAFIA

ÁUREA ALICE CAMPOS DE OLIVEIRA, filha de Cor-Jesus de
Oliveira e de Alice Campos de Oliveira, nasceu no dia de 4 de maio de 1962,
em Diogo de Vasconcelos, Minas Gerais.
Em fevereiro de 1987, graduou-se em Economia Doméstica, pela
Universidade Federal de Viçosa,Viçosa –MG.
No período de 1994 a 1998, desenvolveu atividades na área social
pelo Governo do Estado do Amapá-AP, na FCRIA – Fundação da Criança e
do Adolescente.
De julho de 1995 a julho de 1997, fez o Curso de Pós-Graduação
“Latu-Sensu” em Métodos e Técnicas de Elaboração de Projetos de
Intervenção Sociais, na PUC-MG, em Belo Horizonte-MG.
Em março de 1998, ingressou no Programa de...
tracking img