Menino de engenho - personagens

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2306 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Karen - Carlinhos: é o narrador do romance, o protagonista. Órfão aos quatro anos tornou-se um menino melancólico, solitário e bastante introspectivo. De sexualidade exacerbada, mantém, aos doze anos, a sua primeira relação sexual, contraindo a “doença-do-mundo” – a popular gonorréia. Morava em Recife, antes de ir para o Engenho Santa Rosa, o qual ficou por oito anos. O engenho passou a ser tudopara ele. Apesar de Tia Maria cuidar dele como mãe, não davam-lhe notícias a respeito do pai. A solidão, para o menino, deixava falar o que ele guardava por dentro: as preocupações, os medos, os sonhos.
(ler os slides abaixo)
“Era um menino triste. Gostava de saltar com meus primos e fazer tudo o que eles faziam. Metia-me com os moleques por toda a parte. Mas, no fundo, era um menino triste.Ás vezes dava para pensar comigo mesmo, e solitário andava por debaixo das árvores da horta, ouvindo sozinho a cantoria dos pássaros.”
“Pensava então naquilo que junto de gente eu não podia pensar. Já estava no engenho há mais de quatro anos. Mudara muito desde que viera de Recife.”
“Fiquei um menino medroso. De dia, porém, esperando meus canários, amava a solidão. Era ela que deixava falaro que eu guardava por dentro – as minhas preocupações, os meus medos, os meus sonhos. O mundo de um menino solitário é todo dos seus desejos”
“A negra Luísa fizera-se de comparsas das minhas depravações antecipadas. Ao contrário das outras, que nos respeitavam seriamente, ela seria uma espécie de anjo mau da minha infância. Ia me botar pra dormir, e enquanto ficávamos sozinhos no quarto,arrastava-me a coisas ignóbeis.”
“Á noite, quando essa gente retornava, saíam atrás os moleques, com as latas de mel e os cabaços de caldo na cabeça. Mas tudo isso, que fazia um acontecimento, agora me parecia de longe, indiferente. Só pensava nos meus retiros lúbricos com o meu anjo mau, nas masturbações gostosas com a negra Luísa.”
Karen - Coronel José Paulino: figura representativa darealidade nordestina. É o patriarca absoluto da região, administrava pessoalmente, dando ordens e fazendo a justiça que ditava a sua consciência de homem bom e generoso. Aos olhos de Carlos, era uma imensa figura, de grandiosidade inatingível. Não era um devoto. Todos no engenho respeitavam o coronel. Todo o seu dinheiro, era para comprar terras.
(ler)
“O velho José Paulino gostava de percorrer a suapropriedade, de andá-la canto por canto, entrar pelas suas matas, olhar as suas nascentes, saber das precisões de seu povo, dar os gritos de chefe, ouvir queixar e implantar ordens.”
“E mesmo o meu avô não era um devoto. A religião dele não conhecia a penitência e esquecia alguns dos mandamentos da lei de Deus. Não ia ás missas, não se confessava, mas em tudo que procurava fazer lá vinha um ‘seDeus quiser’ ou ‘tenho fé em Nossa Senhora’.”
“O Santa Fé ficava encravado no engenho do meu avô. As terras do Santa Rosa andavam léguas e léguas de norte a sul. O velho José Paulino tinha esse gosto: o de perder a vista nos seus domínios. Gostava de descansar os olhos em horizontes que fossem seus. Tudo o que tinha era pra comprar terras e mais terras. Herdara o Santa Rosa ainda pequeno, e fizeradele um reino, rompendo os seus limites pela compra de propriedades anexas.”
Luísa - Clarisse: mãe de Carlinhos. Morrera ainda muito jovem, assassinada pelo marido. Ao início, Carlinhos a caracteriza como sendo uma mulher muito bondosa, criada aos moldes de um colégio interno.
(ler)
“Todos os retratos que tenho de minha mãe não me dão nunca a verdadeira fisionomia que eu guardo dela – a docefisionomia daquele seu rosto, daquela melancólica beleza de seu olhar. Ela passava o dia inteiro comigo. Era pequena e tinha os cabelos pretos. Junto dela eu não sentia necessidade dos meus brinquedos. D. Clarisse, como lhe chamavam os criados, parecia mesmo uma figura de estampa.”
Luísa - Pai de Carlinhos: amava muito o filho, e fazia-lhe todos os agrados. Tinha um coração arrebatado pelas...
tracking img