Memorial justificativo de uma area de intervenção em campinas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1163 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
MEMORIAL JUSTIFICATIVO

CAMPINAS, 2011

O projeto foi pensado a fim de propor soluções de articulação com o meio urbano, através de transposições no pátio ferroviário da antiga Companhia Mogina de Estradas de Ferro, bom como a implantação de uma escola de educação profissional e de espaços públicos relacionados a ela e ao entorno.
Para vencer os, aproximadamente, nove metros de desnívelpresentes no terreno de intervenção, utilizou-se rampas a cada um metro e com patamares amplos que proporcionam áres de convivio e uso contemplativo. A fim de proporcionar outra alternativa de circulção, utilizou-se também escadas que também se encontram com os patamares das rampas, gerando um percurso agradável.

Para vencer os, aproximadamente, nove metros de desnível presentes no terreno deintervenção, utilizou-se como partido a divisão do mesmo em patamares a cada três metros, desconsiderando o muro de arrimo já existente. A ligação destes patamares é valorizada a partir de longas escadarias, cuja pisada proporciona grande conforto ao usuário, e rampas que permitem acessibilidade de todos. (ver croqui 1)

O patamar cujo nível é X, foi aumentando a fim de proporcionar uma área deconvívio e de referência, visto que deste, pode-se tanto dirigir-se às outras rampas que levarão ao nível inferior quanto à passarela que leva ao pátio da escola, que encontra-se no mesmo nível.

Nos patamares cujos níveis são 677 e 674 foram feitas áreas públicas arborizadas, com o objetivo de proporcionar um ambiente inusitado, visto a presença do verde numa área central da cidade de Campinas. Estespatamares são sobretudo, áreas destinadas ao uso contemplativo, passagem e lazer. (ver croqui 2)

O restante da área localizada no nível 671 possui a escola profissionalizante e as demais exigências que a ela confere, além de outros espaços públicos.
Vale ressaltar que o projeto foi elaborado para atender todos os moradores de Campinas e de sua região, uma vez que tal escola e seuentorno são pólos de atração de diferentes usuários. Isso também só é possível, por meio da futura estação e do calçadão projetado, valorizando assim, diferentes meios de transporte (a pé e o coletivo), o que também auxilia no atendimento de uma diversidade qualitativa e quantitativa de usuários.
A valorização do transporte coletivo também se dá por meio da criação de um ponto de ônibus urbano,coberto e com lugares para sentar, na área, com espaço exclusivo para embarque e desembarque dos passageiros. (ver croqui 3)
Foram colocadas também vagas para carros dentro da área. Esse estacionamento tem entrada separada. Isso foi feito para haver uma organização no espaço.
Devido ao grande fluxo já existente nas ruas que margeiam a área e ao novo fluxo que será gerado ali, resultante daimplantação da escola profissionalizante, propôs-se um alargamento da rua Mário Siqueira. (ver croqui 3)
A escola de educação profissional foi concebida para atender um programa que contivesse cursos, como hotelaria, manutenção - hidráulica e elétrica, manutenção de equipamentos domésticos, corte e costura, jardinagem e informática básica. Além dessa área pedagógica, seria necessário destinar outraárea coberta para uma área administrativa e outra operacional.
Dessa forma, o prédio que é composto por dois blocos, cada um com térreo e pavimento superior, interligados por um pátio coberto, foi organizado de forma a facilitar a circulação no térreo, mas especificamente no bloco ao lado do estacionamento (lado esquerdo) localizou-se auditório, biblioteca e cantina, para que estes fossemutilizados não só quando a escola estivesse em período letivo, mas sim como um instrumento de apoio e lazer para os usuários em quaisquer outras necessidades e eventos na cidade de Campinas. A cantina, está localizada em frente à biblioteca, de modo que essa possa ser utilizada não só pelos estudantes e possa facilitar a circulação de pessoas e de serviço. Deste modo, a bilbioteca ocupa o pavimento...
tracking img