Matlab

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 39 (9643 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
.

APOSTILA DE MATLAB
2010

1 - INTRODUÇÃO

1.1 – Conceitos, comandos e simbologia
Todos os arquivos com extensão m são executáveis no MATLAB, os comandos podem ser editados no editor deste software(de preferência) ou em outro editor de texto como o editor edit do DOS.
M-file editor: editor de documentos do MATLAB, onde você pode digitar programas salvando-os emarquivos com extensão m(tornando estes arquivos executáveis). Para acionar o editor de textos dentro do próprio Matlab, acione sequencialmente, as opções do menu:
File
New
M-File
Dentro do MATLAB você pode usar comandos semelhantes ao do DOS ou interagir
com eles, a seguir vem alguns deles:
addpath dir1: faz com que você possa, posteriormente, executar ou carregar um arquivo gravadono diretório dir1.
cd: mostra o corrente diretório que você está trabalhando.
delete( nome arquivo): apaga o nome do arquivo especificado.
Workspace: janela que se abre para mostrar o nome e características das variáveis usadas no MATLAB num determinado instante. Por exemplo, quando se usa os comandos who ou whos esta janela é acionada. Também pode ser usado o ícone
( semelhantea um cubo) do Workspace browser para executar essa tarefa.
Comand history: mostra os últimos comandos digitados.
Path browser: muda o path (o caminho), onde são lidos os arquivos no MATLAB .
Palavras em negrito: representa termos e fatos importantes.
Palavras em negrito itálico: novos termos.
Palavras em negrito na inicial dos nomes: nomes de teclas, menus, itens de menus, nome de funções, arquivos e comandos.
Palavras em itálico: títulos de livros, empresas, etc.

1.2 - Comandos, Variáveis e Símbolos Especiais
Comandos no Matlab: são editados em letras minúsculas
Nome de variáveis: o nome de uma variável pode ser definido como uma letra ou um conjunto de caracteres, havendo o caso sensitivo, isto é, uma variável em letra minúscula é diferente daquela mesma em letramaiúscula Se for usar mais de uma palavra para representar uma variável, deve ser usado o sinal de sublinhado para ligar os nomes que representarão a variável.
Exemplo de nomes de variáveis: a, A, preço1, val3, custo_médio, preço_de_venda, etc.
; : suprime a impressão de resultados.
% : serve para se colocar um comentário.
... :indica que uma linha é continuação de uma linha anterior.
ans:variável usada para assumir o resultado referente ao último comando.
inf: infinito(exemplo: digite 1/0).
NaN: indeterminação(exemplo: digite 0/0).
ctrl c: interrompe comandos do MATLAB.
! : seguida de um comando do DOS, acionará este comando digitado.
clc : limpa a tela(semelhante ao comando CLS do DOS).
1.3 Constantes
pi: 3,1416...
eps: 2,22 x 10-14
i = [pic]
j = [pic]

2 - OPERAÇÕESARITMÉTICAS BÁSICAS
Símbolo Operação
+ soma exemplo: 5 + 3
- subtração exemplo: 6 – 2
multiplicação normal de matrizes exemplo: 6 * 5
/ divisão normal de matrizes
.* multiplicação elemento a elemento
./ divisão elemento a elemento de maneira semelhante a multiplicação.
\ divisão à esquerda(exemplo: 5\25 tem o mesmo efeito que 25/5 que resulta: ans = 5)
[pic]
3 - FUNÇÕESMATEMÁTICAS COMUNS(OBS: ALGUM EXEMPLOS)
|Função |Descrição |
|abs(x) |módulo de x |
|acos(x) |arco cujo coseno é x |
|cos(x) |coseno de x ( x em radianos) |
|cosh(x) |coseno hiperbólico de x ||exp(x) |exponencial : e x |
|gcd(x, y) |MDC dos inteiros x e y |
|imag(x) |parte imaginária de um complexo |
|lcm(x, y) |MMC dos inteiros x e y |
|log(x) |logaritmo natural de x |
|log10(x) |logaritmo...
tracking img