Matematica anhanguera

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (272 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
para que ela seja uma função quadrática, ou de segundo grau. Além disso, esse termo deve ser o de maior grau da função, pois se houvesse um termo de grau 3, isto é,ax3, ou de grau superior, estaríamos falando de uma função polinomial de terceiro grau.

Assim como os polinômios podem ser completos ou incompletos, temosfunções de segundo grau incompletas, como:

f (x) = x2

f (x) = ax2

f (x) = ax2+ bx

f (x) = ax2 + c


Pode acontecer de o termo de segundo grau aparecerisoladamente, como na expressão geral y = ax2; acompanhado por um termo de primeiro grau, como no caso geral y = ax2 + bx; ou também unido a um termo independente ou a umvalor constante, como em y = ax2 + c.

É comum pensarmos que a expressão algébrica de uma função quadrática é mais complexa que a das funções lineares.Normalmente, também supomos que sua representação gráfica é mais complicada. Mas não é sempre assim. Além disso, os gráficos das funções quadráticas são curvas muitointeressantes, conhecidas como parábolas.





Figura 3


3. Representação gráfica da função y = ax2 Como acontece com toda função, para representá-la graficamentetemos, antes, de construir uma tabela de valores (Figura 3, ao lado).

Começamos representando a função quadrática y = x2, que é a expressão mais simples da funçãopolinomial de segundo grau.

Se unirmos os pontos com uma linha contínua, o resultado é uma parábola, como mostra a Figura 4, abaixo:




Figura 4Observando atentamente a tabela de valores e a representação gráfica da função y = x2 vamos perceber que o eixo Y, das ordenadas, é o eixo de simetria do gráfico.
tracking img