Matemática e foco:os desencontros de quem ensina e quem aprende

Páginas: 16 (3978 palavras) Publicado: 13 de fevereiro de 2011
MATEMÁTICA EM FOCO: OS DESENCONTROS DE QUEM ENSINA E DE QUEM APRENDE
Abílio Rosa da Silva Filho
Abílio.filho@hotmail.com
FAC- Faculdade de Ciências Educacionais

RESUMO:

[1]Reflete de forma objetiva o caos que vem se tornando a educação matemática na escola pública, procura identificar e traçar o perfil dos profissionais que atuam como professor de matemática.Apresenta e analisa pesquisa com professores e alunos, indicando novos caminhos. Espera que esta nova abordagem venha despertar, professores, gestores e poder público na criação de novas metodologias que contribua para o desenvolvimento do ensino aprendizagem do aluno, oportunizando-o a exercer a cidadania com plenitude. Os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) e os teóricos usados nafundamentação deste artigo desempenham importante papel no direcionamento de novas perspectivas para o ensino da matemática.

Palavras-chave: Professor, aluno, aprendizagem e linguagem matemática.

Introdução
É comum na sala de professores e nas reuniões pedagógicas o aluno ser o centro das atenções e a discursão entre os educadores nunca muda o refrão de que o educando é desinteressado, ounão tem base de conhecimento para está em tal série, daí simplesmente a família e o sistema passa receber a responsabilidade do baixo nível de aprendizagem do aluno. Sabemos que os pais confiam na escola para ensinar seu filho, o sistema promove os meios para promover a educação e o professor tem a função de ensinar e mediar o aluno na busca de novos conhecimentos. Onde está o professor? O que andafazendo na sala de aula? Será se realmente esta provendo o conhecimento do educando?
Este artigo, é um alerta para o poder público, gestores de escolas, professores, pais e demais seguimentos interessados, para o caos que vem se tornando a educação brasileira, especificamente no ensino da matemática, conforme tem mostrado as diversas pesquisas publicadas pelo MEC e outros segmentosda sociedade acadêmica e pesquisadores, o baixo rendimento dos alunos no conhecimento matemático vem se tornando uma perturbação em todas as esferas da sociedade. O artigo, Matemática em foco:Os desencontros de quem ensina e de quem aprende, estará focando o professor como peça chave na reversão deste atual quadro, haja vista que o professor é considerado como a engrenagem principal nodesenvolvimento de saberes formal do educando, respeitando o conhecimento informal e as diferenças de cada individuo, agregando novos valores que contribuirão para o seu desenvolvimento social e cultural para o exercício da cidadania.
Há muito tempo a metodologia de trabalho dos educadores vem sendo apoiada no “pilar da transmissão do conhecimento, onde a aprendizagem acontece mediante aestratégia de repetição do aluno” (BRASIL, 2006, p. 72).
Os profissionais da educação se apegam da prerrogativa de transmissores de conhecimento ou formadores de opinião, onde o aluno, apenas repete o que o professor lhe ensina.
Nesta visão, o aluno é visto como mero receptor das informações transmitidas pelo professor, este visto como detentor do saber absoluto, e por contadessa visão, o aluno não questiona suas dúvidas, seus medos e se limita em assistir passivamente, memorizando os conceitos, é impossível acreditar que em pleno século XXI, ainda exista professor que não consegue quebrar este paradigma e desenvolver uma metodologia de trabalho de maneira que o aluno deixe de ser um robô e passe a usar seu raciocínio lógico, e ser capaz de resolver suas própriasdificuldades e atingir suas metas como cidadão inserido na sociedade.
Uma necessidade vital na educação de hoje é o acesso a informação para que os educadores não sejam marginalizados, é necessário que se criem condições nas escolas e na comunidade, para compensar a falta de acesso as fontes de informações que possam existir nas famílias, as mudanças na educação vêm acontecendo a...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Fundamentação teórica para as perguntas primárias: O que é matemática? Por que se ensinar? Como se ensina e como se...
  • ENTENDER COMO SE APRENDE PARA APRENDER COMO SE ENSINA
  • O que se aprende e ensina em história
  • O corpo que aprende, o corpo que ensina
  • Jogos e brincadeiras no ensina da matematica
  • por que se ensina matematica na escola (TI)
  • Brincando também se aprende matemática
  • Como o aluno aprende matemática

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!