Marxismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1587 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Marxismo – Halliday
O marxismo durante muito tempo foi alvo de grandes críticas das Relações Internacionais. Até recentemente as teorias de R.I tratavam somente de aspectos envolvendo política, segurança, ideologia, Estado, etc. O Marxismo já dizia que os problemas que acontecem no mundo devem ser compreendidos através de uma perspectiva socioeconômica, onde grande parte está envolvido nointeresse de determinados grupos.
Em segundo lugar, grande parte das teóricas de R.I surgiram principalmente em universidades americanas e inglesas onde o marxismo não teve em nenhum desses lugares um importante reconhecimento.
O capitalismo é a categoria central de análise social para o marxismo. Muitos críticos ao marxismo diziam que ele iria desviar a atenção dos reais motivos que moldam apolítica mundial.

Marxismo e os três “Grandes debates” Das R.I
Os teóricos das relações internacionais dizem que esta é guiada por três grandes debates e que o marxismo não se encaixa em nenhuma delas. Esse primeiro debate diz respeito ao realismo. Entretanto, o marxismo é consideravelmente bem encaixo tanto na ‘utopia’ realista quanto à sua explicação em relação aos ‘interesses’ dos atores.
Omarxismo é influenciado pelo materialismo histórico, ou seja, ele procura se identificar nas condições de origem e de reprodução de uma sociedade ou ideia. Ele enfatiza que o capitalismo criou um mercado mundial e com ele forças de classe que operam em uma escala global. Além disso, o marxismo também estuda o Estado analisando suas forças e os interesses de classe nele existentes. Ele reconhece que oEstado é o fator central e está sujeito a pressões internas e externas.
Foi a partir de 1970 que o marxismo começou a ganhar espaço como teoria das R.I e era conceituado como “estruturalismo”. Entretanto, essa ideia de estruturalismo era uma forma problemática de trata-lo, devido ao fato de representar um determinismo, no sentido de negar a liberdade de ação ou de qualquer outro elemento dentroda estrutura e o marxismo era contrário a isso, pois continha um elemento de liberdade, de vontade, possibilidade e voluntarismo. O marxismo é uma teoria da determinação socioeconômica.
A própria teoria destaca o caráter de exploração e dominação do imperialismo. O imperialismo, um produto da disseminação global do capitalismo, possui um impacto destrutivo e criativo duplo que desorganiza asformas sociais e econômicas estabelecidas e gera novas.

O potencial do materialismo histórico
O materialismo histórico é uma teoria geral abrangente da ação política, social e econômica, capaz de considerar todos os campos da ação social. Muitos conceitos a respeito do materialismo histórico podem ser aplicados às teóricas de R.I.
Além disso o materialismo histórico começou a ser fator defundamental importância dos estudos, por exemplo, da Guerra Fria e sua relação Norte-Sul, ou então o fato do imperialismo e busca de poder principalmente econômico levar à Primeira Guerra Mundial, etc.

O Paradigma materialismo histórico
Marx e Engels escreveram em sua obra diversas questões a respeito do “internacional”. O mais importante de sua obra não é o fato de abordar o sistemainternacional, mas diversos aspectos que apesar de terem sido escritos em sua época, podem ser aproveitados para a teoria e o estudo das R.I. Existem 4 pressupostos fundamentais para tal questão:
1) O primeiro é o da determinação material, ou seja, a determinação segundo fatores socioeconômicos. Marx e Engels dizem que em qualquer sociedade, a atividade central é a produção econômica, ou seja, a relaçãoexistente entre modo de produção, força de produção e relações de produção. Através dessa estruturação é que uma sociedade é constituída. Ele diz que não existe qualquer sistema internacional que não considere tais elementos. A sociedade é uma totalidade se seus modos de produção irão determinar a estrutura social.

Qualquer sociedade se divide em dois grupos básicos. Os detentores dos meios de...
tracking img