Marketing

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 31 (7642 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Índice

Índice 1
Introdução 2
Análise Macroenvolvente 3
Factores Político-Legais 3
Factores Económicos 3
Factores sócio-culturais 4
Factores Tecnológicos 4
Análise PEST 5
Análise Microenvolvente 6
A Empresa – Unicer 6
Os Valores 6
A Visão 7
O Mercado 7
A marca - Super Bock 8
Analise da concorrência 9
Análise da Marca 11
Análise SWOT 11
Matriz BCG 13Posicionamento da Empresa 15
Mercado Potencial e Mercado Alvo 15
Segmentação do Mercado 15
Posicionamento 16
Marketing Mix 17
Produto 17
Politica de marketing 18
Estratégia de marketing mix 19
Estrutura de Custos 19
Natureza do mercado e da procura 19
Concorrentes 19
Promoção 20
Distribuição 21
Pessoas 22
Marketing Interno 23
Conclusão 24
Bibliografia 25Livros consultados 25
Sites consultados 25

Introdução

Este trabalho tem como objectivo analisar a política de Marketing da empresa Unicer para a marca de cervejas Super Bock.
Começaremos por elaborar uma análise macroenvolvente e uma análise microenvolvente da empresa. Além disto, será feita uma análise da concorrência fazendo o match entre as estratégias adoptadas pelas várias empresas dosector.
De seguida, recorreremos às matrizes SWOT (Strengths, Weaknesses, Opportunities e Threats) e BCG (Boston Consulting Group) com os objectivos de estudar mais aprofundadamente a empresa e as suas unidades estratégicas de negócio.
Posteriormente, estudaremos cinco dimensões do marketing mix: Produto, Preço, Promoção, Distribuição e Pessoas.
Para terminar, faremos uma breve descrição domarketing interno da Unicer.

Análise Macroenvolvente

Factores Político-Legais

Em primeiro lugar é importante mencionar o enquadramento legal que diz respeito ao consumo de bebidas alcoólicas em Portugal. A venda destas é proibida a menores de 16 anos, entre outras restrições.
Esta referência torna-se ainda mais importante, se tivermos em linha de conta o facto de Portugal apresentarníveis preocupantes de consumo de álcool, quando comparados com alguns dos seus parceiros europeus.
Em segundo lugar, a publicidade a bebidas alcoólicas também está regulamentada, não sendo permitido o seu anúncio entre as sete horas e as vinte e duas e trinta.
Por último, e tendo em conta os consumos de água, energia e embalagens associados ao sector das bebidas é necessário referir aresponsabilidade ambiental e a eco-eficiência, que aliás é um dos
compromissos da Unicer.

Factores Económicos

Em Portugal, durante o último trimestre de 2006 foram perceptíveis alguns sinais favoráveis relativamente à evolução da situação económica, os quais confirmam o modo lento como têm decorrido a recuperação da economia.
Confirmando as expectativas iniciais, Portugal é, passados dois anos,desde o último alargamento da União Europeia, um dos antigos Estados membros cujo desempenho económico mais está a ser afectado com a entrada de dez novos países, oito deles da Europa de Leste, no espaço europeu. A perda de quota de mercado das exportações portuguesas, o fraco desempenho na atracção do investimento
estrangeiro e a ocorrência de processos de deslocalização de empresas, para paísescom mão-de-obra mais barata, registados em Portugal nos últimos anos são fenómenos que têm como uma das suas causas principais a acrescida concorrência trazida pelos novos Estados membros e pelas potências asiáticas.
De acordo com alguns economistas e de acordo com o Banco de Portugal, prevê-se que o PIB, em Portugal, este ano, irá apresentar um crescimento de 1,8%. Desta forma, Portugalcontinuará a fazer parte do grupo de três países da OCDE que vão crescer menos no próximo ano.
Durante este ano, as médias de crescimento do PIB apresentadas pela OCDE deverão atingir os 2,9% e as da zona euro, os 2,1%.
Quanto ao desemprego, este deverá cifrar-se nos 7,5% em 2007 de acordo com o orçamento de Estado.
Em Portugal não existe um ritmo de crescimento económico suficientemente forte para...
tracking img