Marketing esportivo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 53 (13174 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE CÂNDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE

AÇÕES DE MARKETING ESPORTIVO PARA VIABILIZAR ECONÔMICAMENTE ESTÁDIOS DE FUTEBOL

Por : Francisco Henrique Bueno Meira Ribeiro

Orientador : Prof. Carlos Cereja

Rio de Janeiro (RJ) 2010

2

UNIVERSIDADE CÂNDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE

AÇÕES DE MARKETING ESPORTIVO PARAVIABILIZAR ECONÔMICAMENTE ESTÁDIOS DE FUTEBOL

Apresentação de Monografia ao Instituto A Vez do Mestre – Universidade Cândido Mendes como requisito parcial para obtenção do grau de especialista em Marketing Por : Francisco Henrique Bueno Meira Ribeiro

3

AGRADECIMENTOS

.... Agradeço a todos que me incentivaram no decorrer de todo o curso, aos meus colegas da turma K157, em especial aoscompanheiros Matheus, Joelma, Márcio, Ana Lúcia e Carla, presenças constantes nas pesquisas e trabalhos no decorrer de todo o curso.

4

DEDICATÓRIA

...Dedico este trabalho a Deus, princípio, meio e fim de tudo, a minha esposa Maria Angela, pelos 28 anos de amor, carinho e respeito, e a meus filhos Leonardo, Guilherme e Rodrigo, que me fazem sentir orgulhoso de ser pai.

5

RESUMOEste estudo dedica-se a analisar como ações de marketing esportivo podem ser utilizadas de maneira a tornar estádios de futebol um fonte de geração de receitas para um clube. Destacamos alguns cases de sucesso no Brasil e no mundo e, como case final, os esforços que estão sendo realizados pelo Botafogo de Futebol e Regatas para tornar o Estádio Olímpico João Havelange, o Engenhão, uma grande fontede receitas para o departamento de futebol profissional do clube.

6

METODOLOGIA

Neste estudo foram utilizados como método a pesquisa em livros especializados em marketing esportivo, sites na Internet e artigos publicados em jornais e revistas dedicados ao esporte.

7

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO

08

CAPÍTULO I – Conceitos de Marketing

10

CAPÍTULO II – Marketing Esportivo

16CAPÍTULO III – A Exploração de Estádios de Futebol

23

CAPÍTULO IV – O Botafogo e o Engenhão

31

CONCLUSÃO

39

BIBLIOGRAFIA CONSULTADA

41

WEBGRAFIA

42

ÍNDICE

43

8

INTRODUÇÃO
A cada ano que passa, os clubes procuram obter receitas, de maneira a poder bancar estruturas que se revelam cada vez mais dispendiosas e difíceis de serem mantidas. Muitos dessesclubes possuem estádios bem localizados, com grandes espaços disponíveis mas, tendo em vista o pouco profissionalismo com que os mesmos são geridos, acabam se tornando verdadeiros ―elefantes brancos‖, gerando despesas de tal monta, que somente a arrecadação proveniente das bilheterias em dias de jogos não são suficientes e esses estádios, ao invés de gerarem receitas para os clubes, se tornam fontesde grandes prejuízos para os mesmos. No Brasil, especificamente, os grandes clubes sem estádio são completamente dependentes do poder público para mandar seus jogos. O Maracanã tornou-se palco para jogos dos grandes clubes cariocas. O Mineirão é utilizado pelos grandes clubes de Minas Gerais. Embora sejam estádios lendários, eles acabam fazendo com que os dirigentes se acomodem, pois tendo essesestádios à mão para utilizá-los, não tem como preocupação construir um estádio próprio. A maioria não entende que ter um estádio próprio não é importante apenas do ponto de vista técnico ou de patrimônio, mas também é uma questão de sobrevivência. As rendas proporcionadas por um jogo na sua casa são cada vez mais importantes para o equilíbrio financeiro de um clube de futebol. Na Europa, eles já sãoparte fundamental da receita dos clubes, e são utilizados de forma extremamente eficiente e profissional. Poucos clubes brasileiros sabem utilizar de forma correta seus estádios, de forma a torná-los fontes geradores de receita, e não de despesas astronômicas. Tudo isso pela falta de visão dos dirigentes, que hoje se preocupam mais com sua carreira pessoal dentro do esporte do que com a...
tracking img