Maquina de xeroz

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1015 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
No ano passado, o mundo comemorou 50 anos de fabricação da 914, a primeira máquina copiadora de papel comum. Ela foi inventada em 1959, Rochester, pela anteriormente denominada Haloid Company, agora conhecida por Xerox, de forma a revolucionar o mundo empresarial.

As copiadoras clássicas

Uma copiadora utiliza um dos princípios mais básicos da física: as cargas opostas que se atraem, assimcomo quando você passa um lápis rapidamente pelos cabelos e depois o coloca perto de pequenos pedaços de papel recortado.

Assim como na brincadeira de criança, uma copiadora utiliza um dos princípios mais básicos  da física, em que corpos de cargas opostas se atraem. A chapa magnética que fica logo abaixo do vidro em que você coloca o original é carregada com cargas positivas ao ligar a máquina.Ao contrário, o toner, que não é tinta, mas um pó formado por partículas de plástico, tem como característica ser dotado de carga negativa.  Uma vez ligada, a luz ultravioleta que passa pelo original atravessa a parte do papel que não contém imagens, ou seja, a parte branca.

Enquanto isso, as partes que possuem algum tipo de inscrição barram a luz. Essas partes continuam com carga positiva,diferente daquelas que a luz conseguiu atravessar. Essa parte positiva será a imagem preta vista ao final do processo.

Uma vez que cargas positivas e negativas se atraem, o toner e as partes positivas remanescentes da “chuva de luz” anterior acabam juntos na chapa logo abaixo do vidro. Porém, é preciso que a informação colada na chapa migre para a folha de papel.

Para isso, a máquinacopiadora deixa a folha de papel também com cargas positivas, porém mais fortes do que aquelas da chapa. Dessa forma, o pó plástico é obrigado pelas leis da física a migrar novamente, dessa vez para o papel.

Entretanto, uma vez pronta a imagem, é preciso fazer com que ela “cole” no papel sem necessidade de utilizar nenhuma lei da física. Para isso, a máquina copiadora possui dois rolos aquecidos porlâmpadas e coberto de teflon, para que o pó não grude no aparelho.
Ao aquecer os rolos, o pó plástico da folha é derretido e aparece, assim como uma tinta, no final do processo. Com isso você recebe sua cópia “quentinha” e idêntica ao original, porém em preto e branco.

Cópias coloridas

Já as cópias coloridas foram inseridas em 1968, através de um processo de impressão um pouco diferente. Aimpressão por sublimação de tinta substituiu a tecnologia eletrostática nas primeiras máquinas lançadas.

A impressão por sublimação segue uma característica diferente, uma vez que a máquina possui rolos de cores diferentes, que parecem celofane. As tintas coloridas se prendem a esses rolos e são aquecidos, de forma que a tinta se transforme em vapor e se espalhe pela superfície do papel erepita a forma anterior dada ou pelo computador ou pela luz da copiadora.
A evolução

Já as copiadoras mais recentes utilizam a tecnologia digital para dar conta do trabalho. Essa tecnologia, que cada vez mais toma conta do nosso cotidiano, consiste em integrar um scanner e a impressão a laser para resolver o problema e copiar um conteúdo.

Entre as vantagens da digitalização estão a modificaçãoda qualidade de imagem e a habilidade de criar digitalizações sem necessariamente ser preciso imprimir um trabalho, além de rapidez, uma vez que a imagem original é escaneada apenas uma vez, para depois criar cópias.

Em copiadoras que utilizam o magnetismo, por exemplo, é necessário que a máquina, a cada cópia, escaneie o conteúdo para enviar para o papel. Isso quer dizer que é preciso criar o“negativo” da imagem para uma cópia de cada vez.
Prós e contras

Cada uma das tecnologias que copiam o original mantém pontos positivos e negativos. A copiadora eletromagnética de toner, por exemplo, possui uma grande vantagem em relação a outras ferramentas do gênero: o preço.

Enquanto as máquinas em si possuem um custo alto, a manutenção e a quantidade de cópias que podem ser feitas com...
tracking img