Manual ufcd 6234

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3085 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Sr. Formador,

Deve elaborar o manual de formação no respeito dos Presentes requisitos:

✓ O manual deverá ser bem estruturado e incluir um índice para orientar o utilizador;
✓ A linguagem a utilizar deverá ser clara, correta e adequada aos destinatários;
✓ O formador deverá sempre fazer uma revisão final de todo o conteúdo do manual, de modo a assegurar a sua qualidade ecorreção;
✓ O manual deverá respeitar a legislação aplicável aos direitos de autor, fazendo referência a fontes utilizadas na sua conceção (é obrigatório colocar no final, as referências bibliográficas);
✓ O manual deverá ter boa apresentação gráfica e seguir as seguintes orientações em termos de formatação:
1. Utilizar a folha modelo em anexo (capa e interior) (a imagemindicada na capa poderá ser alterada para outra alusiva à unidade);
2. Preencher o cabeçalho com o nome da unidade (ver cronograma);
3. Utilizar Letra tipo arial, tamanho 11, no corpo do texto; espaçamento simples entre linhas. Quanto ao tamanho dos títulos fica ao critério do formador que deverá no entanto seguir sempre a mesma lógica ao longo de todo o manual;
4. O manualtem de indicar os números de página, conforme folha modelo;
✓ De modo a permitir a sua reprodução dos manuais e outros documentos de apoio à formação, o formador deverá:
1. Entregar ao mediador o manual, uma semana antes do início da formação,
2. Entregar outros documentos (fichas, textos de apoio, etc) à AIMinho com pelo menos 48h de antecedência.MANUAL



[pic]






Curso: Noções Básicas do Sistema de Normalização Contabilística









Formador: Manuel Gonçalves Fernandes


Braga,7 Janeiro de 2013

O Património




1 - Noção



Todos os agentes económicos (indivíduos, empresas, etc.) têm necessidades que pretendem ver satisfeitas. Para o efeito necessitam deadquirir um conjunto de bens e serviços. Contudo, nem sempre dispõem dos meios monetários suficientes para tal. Assim, recorrem, frequentemente, a empréstimos ou financiamentos. Este facto faz com que contraiam dívidas, ficando com a obrigação de as saldar ou regularizar.
Poderá, também, acontecer o inverso, isto é, o agente económico em vez de pedir dinheiro emprestado, empresta-o. Nesta situaçãofica com um direito sobre o agente a quem foi feito o empréstimo.


Do exposto verifica-se que os agentes económicos não possuem apenas bens mas também direitos e obrigações, fazendo, todos eles, parte do seu património. A cada componente de um determinado património, isto é, o dinheiro, os edifícios, as viaturas, as mercadorias, as dívidas a pagar e a receber, etc., dá-se a designação deelemento patrimonial. Assim teremos:







PATRIMÓNIO: conjunto de Bens, Direitos e Obrigações pertencentes a

determinado agente económico num determinado momento.




2 - Classificação do Património



Consideremos o Património do Sr. J. Júnior, comerciante de eletrodomésticos, em 1

Setembro de 2009:



|Elemento Patrimonial|Valor |
|Dinheiro no cofre do estabelecimento |200 |
|Dinheiro para gastos domésticos |90 |
|Eletrodomésticos para venda|2 500 |
|Armazém |5 800 |
|Empréstimo obtido no BPI para desenvolvimento da atividade |500 |
|Viatura particular...
tracking img