Manifesto socialista

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1462 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Uma Analise Do Manifesto comunista




A obra de Marx e Engels para análise, objetiva a derrubada das classes dominantes e eleva a classe dominada, o proletariado. Faz uma crítica ao modo de produção capitalista bem como a sociedade estruturada através desse modo. A classe defendida por eles é o proletariado e a política social, suas reivindicações consiste em acabar com a eminente forçacapitalista que reprimia e fazia do proletariado um simples objeto de trabalho.
O enfoque social é muito empregado e maçante em sua obra até porque seria o seu objetivo principal, induz o proletariado a organizar a sua classe social, lutar por seus direitos e converter o quadro de organização política, econômica e social em uma forma mais igualitária e humanista.
Seguindo os conceitos básicos deMarx, em sua obra, junto com Engels, “Manifesto do Partido Comunista” podemos encontrar alguns conceitos por ele formulado:
Dialética da luta de classes
Neste item podemos afirmar que sua obra é inteiramente uma dialética, pois temos mudanças constantes na organização social criando-se teses, que viram antíteses se forma uma síntese criando-se novamente uma tese, essa dialética vai ser sempreconstante. No meio social é possível encontrar várias transformações, ás vezes lentas, mas que estão sempre no sentido de modificar algo antigo em algo que está vigente na sociedade da época. Podemos pegar como exemplo a própria luta de classes entre proletariado e burguesia. No trecho a seguir isso é bem caracterizado.
“As demarcações e os antagonismos nacionais entre os povos desaparecem cada vezmais com o desenvolvimento da burguesia, com a liberdade do comércio e o mercado mundial, com a uniformidade da produção industrial e as condições de existência que lhe correspondem.
“A supremacia do proletariado fará com que tais demarcações e antagonismos desapareçam ainda mais depressa. A ação comum do proletariado, pelo menos nos países civilizados, é uma das primeiras condições para suaemancipação.”
“Na sociedade burguesa, o trabalho vivo é sempre um meio de aumentar o trabalho acumulado. Na sociedade comunista, o trabalho acumulado é sempre um meio de ampliar, enriquecer e melhorar cada vez mais a existência dos trabalhadores.”
Classes
Para Marx o conceito de classe é muito importante, segundo ele sempre vão existir duas classes com preceitos distintos, uma que é dominada e aoutra dominante. Na obra como exemplo temos o proletariado lutando por seus direitos e a burguesia impondo suas condições. Nos trechos a seguir a descrição de cada classe é demonstrada.
Capitalista
“Ser capitalista significa ocupar não somente uma posição pessoal, mas também uma posição social na produção. O capital é um produto coletivo: só pode ser posto em movimento pelos esforços combinados demuitos membros da sociedade, e mesmo, em última instância, pelos esforços combinados de todos os membros da sociedade.”
Proletariado
“O preço médio que se paga pelo trabalho assalariado é o mínimo de salário, isto é, a soma dos meios de subsistência necessária para que o operário viva como operário. Por conseguinte, o que o operário obtém com o seu trabalho é o estritamente necessário para amera conservação e reprodução de sua vida. Não queremos de nenhum modo abolir essa apropriação pessoal dos produtos do trabalho, indispensável à manutenção e à e produção da vida humana, pois essa apropriação não deixa nenhum lucro líquido que confira poder sobre o trabalho alheio. O que queremos é suprimir o caráter miserável desta, apropriação que faz com que o operário só viva para aumentar ocapital e só viva na medida em que o exigem os interesses da classe dominante.”
“Na sociedade burguesa, o passado domina o presente; na sociedade comunista é o presente que domina o passado. Na sociedade burguesa, o capital é independente e pessoal, ao passo que o indivíduo que trabalha não tem nem independência nem personalidade. a abolição de semelhante estado de coisas que a burguesia verbera...
tracking img