manejo sanitario de bovinocultura de leite

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5232 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de novembro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO
1-INTRODUÇÃO 3
2-METODOLOGIA 4
3-DESENVOLVIMENTO 5
3.1-MANEJO SANITÁRIO DE VACAS LEITEIRAS 5
3.2-AS DOENÇAS INFECTO-CONTAGIOSAS 5
3.2.1-A FEBRE AFTOSA 5
3.2.2-A BRUCELOSE 8
3.2.3 TRISTEZA PARASITÁRIA 9
3.2.4-A TUBERCULOSE 10
3.2.5-A MOSCA DO CHIFRE 11
3.2.6-O CARBÚNCULO SINTOMÁTICO 11
3.2.7-A RAIVA 12
3.2.8-CORTE E CURA DE UMBIGO 13
3.2.8-CONTROLE DE ENDO E ECTOPARASITAS 133.2.10- PNEUMOENTERITES 16
3.2.11-MÍASES 16
3.3-A APLICAÇÃO DE MEDICAMENTOS 17
3.3.1-QUANTO DAR DE MEDICAMENTO? 17
3.3.1.1-VIA INTRAMUSCULAR 17
3.3.1.2-VIA SUBCUTÂNEA 18
3.3.1.3-VIA INTRAMAMÁRIA 18
3.3.1.4-VIA ORAL 18
3.3.1.5-VIA INTRADÉRMICA 18
3.3.1.6-VIA INTRAVENOSA 18
3.3.2-APLICAÇÕES TÓPICAS 19
3.3.3-SOROLOGIA 194-CONCLUSÃO.............................................................................................................19
5-BIBLIOGRAFIA 21
















1-INTRODUÇÃO
Neste trabalho são apresentadas as principais práticas para um bom manejo sanitário de vacas leiteiras, desde a gestação ate a parte final. Inicia-se com um alerta para todos os produtores em relação às anotações de todos os processos que acontece dentro da propriedade.Acompanhamento de técnicos formados na área é de extrema importância para aperfeiçoamento de alimentações, desverminações, preparo de partos e etc.















2-METODOLOGIA
A metodologia utilizada para a realização do trabalho foram pesquisas através de sites, cujo objetivo é mostrar as particularidades que envolvem o manejo sanitário na produção da bovinoculturade leite.




























3-DESENVOLVIMENTO
3.1-MANEJO SANITÁRIO DE VACAS LEITEIRAS
Entende-se como manejo sanitário é um conjunto de medidas cuja finalidade é proporcionar aos animais ótimas condições de saúde. Os componentes do manejo sanitário buscam evitar, eliminar ou reduzir ao máximo a incidência de doenças no rebanho, para que obtenha ummaior aproveitamento do material genético e consequente aumento da produção e produtividade.
Uma ferramenta importante para um manejo sanitário correto são as anotações. Ao iniciar um controle sanitário é importante atentar para os registros das ocorrências no rebanho.
A coleta de dados é importante para que o produtor tenha o conhecimento da situação de sua propriedade. O conhecimento e ainterpretação da situação produtiva, reprodutiva e sanitária do rebanho, auxiliam a definição de metas para curto, médio e longos prazos.
A importância da água
Na nutrição de vacas leiteiras é o alimento de maior requisição quantitativa, pois o leite contém, em média, 87% de água na sua composição. Além disso, o conteúdo corporal de bovinos adultos apresenta de 55 a 70% deste elemento, quepode chegar de 80 a 85% em animais jovens e até 90% nos recém-nascidos. Vale ressaltar que a importância da água para os animais é tão expressiva que os mesmos podem perder até 100% da gordura e 50% da proteína corporal que ainda sobrevivem, mas a perda de 10% a 12% da água corporal os leva à morte.
3.2-AS DOENÇAS INFECTO-CONTAGIOSAS
Doenças Infecto-Contagiosas são aquelas que pegamnos animais e se espalham entre eles, passando de um animal para outro. Algumas dessas doenças, além de passarem de um animal para outro também passam para o Ser humano. Vamos abaixo falar sobre as principais doenças as quais devemos conhecer:
3.2.1-A FEBRE AFTOSA
A) É uma grave doença que ataca os Bovinos além dos animais que têm os CASCOS BIUNGULADOS, isto é, que têm cascos fendidos,que possuem 2 unhas tais como os Porcos, as Cabras, as Ovelhas, os Búfalos e inclusive animais que vivem na mata como os Veados Silvestres, os Porcos do Mato etc...
B) CAUSA: Ela é causada por um vírus Picornaviridae ARN.
C) Ela é de ALTÍSSIMA TRANSMISSÃO. Ao entrar num rebanho rapidamente se espalha e logo muitos animais ficam contaminados.
D) Os animais que não morrem podem acabar...
tracking img