Mal de parkinson

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (897 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Mal de Parkinson - Uma doença sem cura
Com toda a tecnologia atual, podemos reconhecer inúmeras doenças, que muitas vezes não tem cura. Porém em meio da pesquisa de uma doença, é possível sedescobrir um tratamento, definitivo ou não. Em meio a essas doenças encontramos o Mal de Parkinson, que é uma doença degenerativa do sistema nervoso, que ainda hoje não possui uma cura, apenas um tratamento.Muitos confundem o Mal de Parkinson com o Mal de Alzheimer, portanto é importante fitar que são doenças distintas, e o Mal de Parkinson não compromete a memória e a inteligência do individuo comose pensa, e a pessoa continua a se recordar dos fatos passados.
Atualmente, ainda não se faz ideia, como realmente se origina a doença, mas tem-se, que a doença atua na degeneração e destruição dosneurônios que fazem a dopamina, neurotransmissor responsável pelos movimentos, no sistema nervoso central. Essa perda de dopamina causa a perda de condução de neurotransmissores pelo corpo. Assim afalta de dopamina no corpo gera cansaço, fraqueza, tremores, lentidão de movimentos, rigidez dos músculos, desequilíbrio e mudanças na fala, acarretando dificuldade de se comunicar. Quando essessintomas começam a se manifestar, há a probabilidade de 80%, 4/5, dos neurônios já estarem mortos.
A doença foi descrita e documentada pela primeira vez no século XIX, pelo medico inglês James Parkinson.Ela ataca igualmente pessoas do sexo feminino e masculino, sem distinção de raça, cor ou influencia geográfica. Acomete em média duas pessoas entre mil, e é mais frequente em indivíduos com mais de 50anos de idade.
Mesmo sem causa evidente, às vezes existem fatores que podem desencadear os sintomas e provocar o que se conhece como “Síndrome Parksoniana”. Esses fatores podem ser o uso exagerado econstante de medicamentos que contenham a cinarizina, substancia usada para aliviar tonturas e melhorar a memória, que pode bloquear o receptor que permite a eficácia da dopamina. O trauma craniano...
tracking img