Magnetismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1781 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
CAMILA MARTINS
CARLA REGINA
JOANICE
LETÍCIA GONÇALVES MAIA
MARIA ELISA





MAGNETISMO








Trabalho apresentado à professora Joneide, como parte dos requisitos para obtenção da nota de quarto bimestre na disciplina de Ciências, da Unidade de Educação Dra. Émina Barbosa Mustafa – CAT 03.



Orientador: Professora JoneideManaus-AM
2011
1 Introdução

Magnetismo é a propriedade que têm alguns corpos metálicos de atrair outros metais, como o ferro, o níquel, o cobalto, e certas ligas, como o aço e o óxido salino de ferro.
Os corpos que atraem os metais citados acima são conhecidos como ímãs.
Mas o que faz os ímãs atraírem o ferro, o níquel e o cobalto? É uma forma especial de energia chamadaenergia magnética.
Logo, magnetismo é o estudo dos ímãs e dos fenômenos ligados à energia magnética.


























2 Desenvolvimento

2. 1 A origem do nome magnetismo

Ainda é muito controvertida a explicação de como surgiu o nome magnetismo.
Sabe-se que a propriedade de atrair o ferro, o níquel e o cobalto é notável num tipo de minério(uma rocha) chamado magnetita. A magnetita é o óxido de ferro (Fe3O4) que se apresenta como uma pedra rígida e negra, de origem vulcânica, conhecida como pedra-ímã.
Admitem uns que o nome magnetismo teve a sua origem na localidade de Magnésia, na Ásia Menor, onde esse minério é abundante e de longa época conhecido.
Mas existe, também, uma lenda que atribui a um pastor grego chamadoMagnes a descoberta da rocha negra que atraía a ponta metálica do seu cajado. Em homenagem a ele, os seus contemporâneos chamaram o fenômeno de magnetismo.
Durante muitos séculos, os chineses e outros povos orientais usaram lascas desse tipo de pedra para se orientar nos mares e nos desertos. É que eles verificaram que, quando suspenso por um fio, o fragmento dessa rocha sempre tem umaponta voltada para o Norte e outra ponta voltada para o Sul. Pode-se movimentar a pedra, que ela volta para a mesma posição.
Foi assim que surgiu a bússola.
Na época das grandes descobertas marítimas, Colombo e Cabral já usavam a bússola. Mas ela não era de magnetita. Era uma agulha de costura imantada e presa a um disco de cortiça o qual ficava flutuando dentro de um recipiente comágua.



[pic]

A bússola moderna tem também um ponteiro que é uma agulha imantada, mas que não fica flutuante. Esse instrumento mostra os pontos cardeais: norte, sul, leste e oeste, além de indicar o nordeste, o noroeste, o sudeste e o sudoeste.

[pic]

2. 2 Ímãs naturais e artificiais

A rocha que contém o minério magnetita é um ímã natural. Com um fragmento dela, você podeatrair pedaços de ferro, de aço etc.
Mas existem os ímãs artificiais. Por sinal, são muito mais comuns nos dias modernos. Os ímãs artificiais podem ser fabricados com formatos diversos, de acordo com as aplicações que devam ter. Eles são fabricados com uma liga metálica de alumínio, ferro, níquel e cobalto.









Ímãs artificiais


Como se obtém um ímã a partir de um metalnão imantado?
É só atritar (sempre no mesmo sentido) um pedaço de ferro ou de aço contra um ímã permanente. O fragmento de ferro ou aço tornar-se-á um ímã também.
Mas o que é um ímã permanente? É aquele que tem as suas propriedades magnéticas constantes. O ímã que você produzir, atritando um pedaço de ferro contra o ímã permanente, por certo será um ímã temporário, pois ao fim decerto tempo ele perderá as suas propriedades magnéticas. Logo, ele também é um ímã artificial.
Mas também se pode obter um ímã artificial pela simples aproximação muito demorada de um pedaço de ferro ou de aço com um ímã permanente. Esse processo de imantação é chamado de indução.

[pic]
Imantação por indução. A lâmina tornar-se-á um imã temporário.


Uma terceira forma de...
tracking img