Macroeconomia apontamentos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2786 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ÍNDICE
1. Introdução
Notas Históricas e Metodológicas
Os Factos Estilizados
Os Acontecimentos de Baixa Probabilidade
Portugal no Início do Século XXI
2. Modelo macroeconómico estático
As Decisões de Trabalho, Consumo e Produção
O Primeiro e o Segundo Teorema de Equivalência de Bem – Estar:
Os Consumidores, As Empresas e o Equilíbrio Geral
As Despesas do Governo
Efeitos dasDespesas do Governo em Períodos de Depressão e de Falhas de Mercado
3. O Modelo Dinâmico: Poupança, Déficit do Governo e Investimento
O Modelo de Dois Períodos
Equivalência Ricardiana
O Investimento
O Modelo Básico de Equilíbrio Geral
4. Inflação, Ciclos Económicos e Política Monetária
Procura de Moeda, Taxas de Juro e Inflação. A Evidência Empírica
A Neutralidade da Moeda
As Experiênciasde Hiperinflação
Os Ciclos Económicos
5. Flutuações e Desemprego
Desemprego
Desemprego Keynesiano (Falhas de Mercado)

INTRODUÇÃO E QUESTÕES DE MEDIÇÃO (2011/02/08)
* O que é a Macroeconomia?

Macroeconomia
* Ideia de agregação dos agentes que vivem numa dada economia
* Os macroeconomistas são motivados por um vasto número de questões que afectam inúmeras pessoas einúmeras nações
* Estudo do comportamento dos agentes económicos (famílias, empresas e Estado)
* Estudo das interacções económicas entre os países
* Estudo dos efeitos de uma política fiscal
* Estudo dos efeitos de uma política monetária
* Por que razão alguns países são extremamente ricos e outros, por seu turno, são extremamente pobres?
* O que causa a inflação?
*Por que razão há desemprego?
* Por que razão há flutuações na actividade económica agregada/global?

No entanto, desde os anos 70 que a distinção entre a Macroeconomia e a Microeconomia se tem desvanecido, já que macroeconomistas e os microeconomistas, hoje em dia, usam ferramentas semelhantes: MODELOS ECONÓMICOS

Problemas Macroeconómicos
* Desemprego
* Inflação
*Repartição do Rendimento (embora há uns anos não fosse um problema macroeconómico)

Transformação dos Dados
1. Logaritmo – Ln
* Possibilita uma escala mais curta
* Dá – nos um número decimal
* Como lnyt-lnyt-1 é a inclinação da curva do logaritmo natural entre os períodos em questão, então a inclinação da curva do logaritmo natural de uma série temporal yt é uma boa aproximação da taxa decrescimento de yt (quando a taxa de crescimento é pequena)

Dá – nos, directamente, uma taxa de crescimento
gt=ytyt-1-1
ln1+gt≈gt
ln(ytyt-1) ≈gt
lnyt-lnyt-1≈gt
* Possibilita a comparação com a série de outro país
log1961Y-log1960Y=logY1961Y1960≈dlogYtdt≈∆YY

2. Separação da Série em Duas Componentes
3.1 Tendência
3.2 Ciclo do Produto
* A lógica subjacente a estadecomposição relaciona-se com o facto de, por vezes, ser mais simples considerar separadamente a teoria que explica a tendência do crescimento da teoria que explica os ciclos económicos (a qual corresponde aos desvios da tendência)

Macroeconomia de Curto Prazo
Macroeconomia de Longo Prazo

Gráfico 1 - Tracejado TENDÊNCIA
* Andamento no Longo Prazo de uma dada economia
* Serve,apenas, para analisar factos suficientemente passados
* Aquilo que não aconteceu e não vai acontecer
* Diz – nos como se teria portado a economia se não tivessem havido grandes oscilações
* Quando o país é pobre, a tendência oscila

INTRODUÇÃO E QUESTÕES DE MEDIÇÃO (2011/02/09&15)
* Medidas de Agregação Económica (Aula Prática 2011/02/09)
* Ciclos
* Ciclo Económico* Ciclo do Produto

Medidas de Agregação Económica Não são medidas de bem – estar de uma economia
1. PIB – Produto Interno Bruto
* Valor monetário de todos os bens e serviços produzidos numa economia durante um dado período de tempo
* Representa a quantidade de rendimento ganho através da produção interna (dentro do território)
2. PNB – Produto Nacional Bruto
*...
tracking img