Lyonelll

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 40 (9929 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
TEORIA DA COMUNICAÇÃO

AUTOR: PROF. RICARDO FORTUNATO

AULA 3 - O surgimento da Teoria Funcionalista

Síntese:

Nesta aula, falaremos sobre o surgimento da Teoria Funcionalista. Mas antes de iniciarmos uma abordagem sobre ela, é necessário explicar a você qual era o contexto no qual o Funcionalismo se insere. Lembrando que para fazermos essa contextualização, como foi explicado naprimeira aula, é necessário reconstituirmos os principais fatos históricos, políticos, sociais e culturais, pois, do contrário, não ficará claro a importância que esses primeiros estudos sobre a comunicação representaram naquele período.

Contexto Histórico: positivismo

Auguste Comte (1798-1857) criou uma doutrina chamada positivismo, e que teve por princípio interpretar todos os fatos ocorridos comos seres humanos a partir de uma abordagem que tinha como referencial as ciências naturais. Ou seja, o filósofo acreditava que tudo aquilo que ocorria com o homem era determinado pela natureza. Este pensamento contribuiu para o desenvolvimento das ciências humanas. (Saiba mais. http://educacao.uol.com.br/biografias/ult1789u203.jhtm)

A sociologia de Émile Durkheim

As idéias iniciadas porComte abriram caminho para o surgimento de outras abordagens que também tinham como objetivo analisar os fenômenos que aconteciam na sociedade. A principal delas é a sociologia desenvolvida por Émile Durkheim. Este modelo foi chamado de sociologia funcionalista, pois fazia parte de sua metodologia positivista as comparações entre o corpo humano e a sociedade. Isto é:

“ele acaba definindo asociedade como um organismo, composto por partes que garantem a sobrevivência do todo por meio do desempenho de funções específicas. Funções, nesse caso, são os efeitos provocados no todo por uma das partes constituintes” (Vilalba, 2006, p. 73).

Para que você entenda de que maneira era possível analisar a sociedade comparando-a com um corpo humano, cito um trecho do trabalho de Dráuzio Varella, noqual ele nos relata um pouco de sua experiência cuidando de pacientes em estado terminal. Escreveu o autor:

"Imaginar a morte como um fardo prestes a desabar sobre nosso destino é insuportável. Conviver com a impressão de que ela nos espreita é tão angustiante que organizamos a rotina diária como se fôssemos imortais e, ainda, criamos teorias fantásticas para nos convencer de que a vida é eterna"(VARELLA, Dráuzio. Por um fio. São Paulo: Cia. das Letras, 2004, p. 8).

Este trecho deixa claro que a única certeza que temos é a de que vamos morrer. No entanto, organizamos a nossa vida pensando, somente, na vida. Um bom exemplo é você que participa desta aula. O que será que te levou a escolher um curso que só poderá ser concluído a longo prazo? Sim, porque quatro anos é um longo prazo.Você faz isso porque tem a certeza de que estará vivo para receber o diploma ao término do curso. O seu objetivo e o da sociedade são os mesmos: sobreviver. Quer outro exemplo? Então vamos lá. O nosso sistema imunológico conta com a participação dos glóbulos brancos, que entram em ação toda vez que um organismo estranho invade o nosso corpo. É o mesmo papel que a polícia desempenha na sociedade.Do contrário, tanto ela, quanto o nosso organismo não conseguiriam cumprir seus objetivos, ou seja, sobreviverem.

Pelas nossas veias e artérias circulam o sangue levando oxigênio para todos os nossos órgãos. Agora, se uma pessoa tiver uma vida sedentária, certamente, apresentará índices elevados de colesterol nocivo, o que impedirá que o sangue circule corretamente. O mesmo ocorre com asociedade. Em muitas regiões, nos horários de pico, o trânsito não flui como deveria. Isso faz com que o "corpo social" apresente problemas parecidos com aqueles verificados no corpo humano.

Espero que tenha ficado claro para você que na teoria funcionalista o corpo humano e o corpo social são colocados frente a frente, sendo que os órgãos de um possuem a mesma correspondência com as instituições de...
tracking img