Logistica portuaria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2043 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A infra-estrutura e os desafios logísticos das exportações brasileiras

Paulo Fernando Fleury Um dos principais efeitos do processo de globalização que vem afetando a grande maioria das nações é o aumento do comércio internacional, que nos últimos vinte anos vem crescendo em níveis superiores aos do PIB mundial. Esse fenômeno parece estar se acelerando. Entre 1995 e 2003, ou seja, no períodomais recente de oito anos, a taxa média de crescimento do comércio internacional foi o dobro do crescimento do PIB mundial, que cresceu 2,7% ao ano, enquanto comércio cresceu 5,4%. Como seria de se esperar, o Brasil não ficou imune a este processo de crescimento do comércio internacional. No mesmo intervalo de oito anos, o volume de transações comerciais do País (importações mais exportações) saltoude um patamar de cerca de US$ 80 bilhões para cerca de US$ 120 bilhões, ou seja, um crescimento de 50%. Neste período, o País saiu de uma posição de déficit para uma situação de superávit na balança comercial. Essa inversão de posições está diretamente relacionada à mudança da política cambial. Entre 1995 e 1999, quando a moeda nacional esteve valorizada, o País passou por uma fase de déficitssucessivos. A partir de 1999, com a forte desvalorização cambial, teve início uma fase de superávits contínuos, em função do crescimento explosivo das exportações. Apenas para ilustrar o impacto causado pela desvalorização cambial, basta lembrar que, entre 1995 e 1999, quando o real esteve valorizado, as exportações cresceram apenas 3%, enquanto no período entre 1999 e 2003, com o realdesvalorizado, o crescimento foi de 52%. O aumento explosivo das exportações entre 1999 e 2003 teve vários impactos positivos, ao mesmo tempo em que revelou uma série de fragilidades logísticas do País. Dentre os aspectos positivos podemos destacar o aumento da participação do Brasil nas exportações mundiais, que saltou de 0,86% para 1,03%; o crescimento da participação das exportações no PIB nacional, quepulou de 7% para 13%; e o aumento das reservas cambiais do País. As fragilidades, representadas pelas condições precárias das rodovias, pela baixa eficiência e falta de capacidade das ferrovias, pela desorganização e excesso de burocracia dos portos, tiveram como resultado o aumento das filas de caminhões nos principais portos, longas esperas de navios para a atracação, o não-cumprimento dos prazosde entrega ao exterior, tudo isso resultando no aumento dos custos e redução da competitividade dos produtos brasileiros no exterior.

Com o objetivo de quantificar e conhecer melhor as fragilidades logísticas do País, o Centro de Estudos em Logística (CEL) do Coppead realizou uma ampla pesquisa, envolvendo a análise de dados secundários obtidos nas principais instituições brasileiras eestrangeiras ligadas ao comércio exterior, assim como o levantamento de dados primários nas maiores empresas exportadoras do Brasil. A análise de dados secundários teve como objetivo conhecer o perfil das exportações, assim como as principais características da infra-estrutura logística de apoio ao comércio exterior brasileiro. O levantamento de dados primários junto aos 250 maiores exportadoresbrasileiros visou conhecer suas percepções a respeito da infra-estrutura logística para o comércio exterior brasileiro. Este artigo tratará da análise dos dados secundários, ou seja, do perfil das exportações, e da infra-estrutura logística para as exportações. A análise dos dados primários, que tratam das percepções das maiores empresas exportadoras, será apresentada num artigo posterior. Conhecendo operfil das exportações brasileiras Com o objetivo de traçar um perfil das exportações, buscou-se identificar os principais produtos, assim como os principais destinos das exportações brasileiras. Para identificar os primeiros, foram considerados os valores exportados em dólares americanos e os volumes em toneladas. As duas tabelas abaixo apresentam a lista dos cinco principais produtos, com base em...
tracking img