Logisica nike & reebok

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3184 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE – UFS
DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO

NOME

A LOGÍSTICA NA NIKE E NA REEBOK: UMA ANÁLISE COMPARATIVA E PRINCIPAIS DIFERENÇAS

SÃO CRISTÓVÃO – SERGIPE
2011
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE – UFS
DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO

A LOGÍSTICA NA NIKE E NA REEBOK: UMA ANÁLISE COMPARATIVA E PRINCIPAIS DIFERENÇAS

Trabalhoapresentado à disciplina Tópicos Especiais de Administração ministrada pela Profa. e Msc. Maria Elena Léon, como requisito à obtenção da nota referente à 2ª avaliação.

SÃO CRISTÓVÃO – SERGIPE
2011
INTRODUÇÃO

A logística empresarial teve-se por algum tempo centrada na busca por redução de custos operacionais e estruturais nas organizações que faziam uso dela. Entretanto, essa forma de visualizara logística tomou corpo e acabou sendo ampliada e melhor difundida. A logística passava a ser compreendida como uma ferramenta de integração entre os diversos setores da empresa, mas também com outras organizações parceiras, facilitadora do fluxo e gerenciamento da cadeia de suprimentos, contribuindo de forma mais eficiente e estratégica nos processos decisórios, e ainda, no processo de diálogo eassimilação das necessidades e desejos dos clientes – fornecedores, varejistas -, e consumidores final. A Nike e a Reebok, grandes empresas mundiais de produtos esportivos têm buscado ante a globalização integrar mercados e ampliar os horizontes de produção e lucratividade, para tanto buscaram na inovação tecnológica e na nova concepção de logística, no capital criativo e no marketing, e naspossibilidades da logística, obter diferenciais competitivos, capazes de mantê-las imperiosas e fortes. Neste contexto de movimentações de capital, de tecnologias e ainda, de busca pela expansão dos negócios e fidelização de clientes e consumidores, tanto uma quanto a outra, procuraram na terceirização de serviços, em especial da produção, reduzir custos, sem com isso perder em qualidade. Naoperacionalização desta estratégia reside uma das principais diferenças entre Nike e Reebok, conforme será exposto nas próximas laudas.

I. A NIKE: ASPECTOS HISTÓRICOS, PRODUÇÃO E LOGÍSTICA

1.1. A Nike: Aspectos históricos

A Nike foi fundada em 1964 por Phil Knight e Bill Bowerman. Inicialmente a empresa adotava o nome de Blue Ribbon Sports – BLS. Diante da expansão dos negócios e daconquista de novos mercados, que incluía a subcontratação de serviços e produção, importação de sapatos de alta tecnologia esportiva da marca “Tiger” do Japão. Com a primeira importação e o sucesso de vendas, Knight e Bowerman, começavam a fazer criações e inovar nos produtos, uma espécie de personalização, dando personalidade e marca, surge aí a Nike, em 1972. Àquela época isso aconteceu em virtude doJapão produzir calçados com um baixo custo (low cost) e de alta qualidade, o que punha em risco e até inviabilizava a produção calçadista nos EUA - e cuja produção mundial ainda era dominada pela alemã Adidas. Alguns anos após o lançamento da marca Nike, a companhia muda oficialmente seu nome para Nike Inc, em 1978.

Desde então a Nike “tem evoluído deixando de ser um importador edistribuidor de especialidade japonesa para se tornar líder mundial em design, distribuição e comercialização de calçados esportivos”. (Locke, 2002).

A expansão dos negócios, em caráter internacional, deu-se inicialmente a partir de 1978. Os produtos Nike foram colocados no mercado sul-americano e europeu. A política de patrocínios, como uma das principais estratégias de marketing publicitárioda empresa, para dar visibilidade à marca, acontece em 1982, “ao firmar contrato de patrocínio com o time francês do Paris Saint-Germain”. À época a Nike já dispunha de um mix de produtos bem expressivo.

Na década de 90,

depois de passar por um período difícil entre 1993 e 1994 devido a um plano de expansão, o que levou a uma queda nas vendas, re-posicionou-se:...
tracking img