Logística

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3179 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
MÓDULO 1 - MODELOS DE PREVISÃO E ESTIMATIVA DE DEMANDA
Baseado em Chopra, Sunil e Meindl, Peter, Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos, Prentice Hall, São Paulo,
2003.

Quanto se deve fabricar nos próximos dias?
Quais os produtos e/ou serviços que nós devemos oferecer daqui a alguns anos?
A minha tecnologia está adequada para a produção futura?
Quais são os investimentos para os próximosanos?
Devo ampliar e/ou construir novas instalações?
Devo contratar pessoal ou investir em treinamento?
Qual será a necessidade de matéria-prima futura?
INTERPRETANDO CORRETAMENTE O PASSADO PODEM-SE GERAR PREVISÕES
ÚTEIS PARA O FUTURO.
IMPORTANTE PARA OS PROCESSOS DE DECISÃO E PLANEJAMENTO,
PRINCIPALMENTE QUANDO SE TRATA DE FATOS FUTUROS.
A. FATORES IMPORTANTES PARA AS PREVISÕESDisponibilidade de dados, tempo e recursos;
Determinação do horizonte de previsão;
Capacidade para interpretar os dados.
B. COMPONENTES E MODELOS DE PREVISÃO
B.1. Dados importantes para definição de quais modelos utilizarem
Conhecer a empresa (potencial e deficiência).
Conhecer o perfil do cliente.
Conhecer os fatores que influenciam a demanda (objetivos e subjetivos)
Objetivos >> envolve a TI(máquinas, programas e pessoas);
Subjetivos >> envolve o Potencial Humano no conhecimento do negócio
(informações do mercado, potencial para se adaptar às novas exigências
do cliente etc.).
B.2. Fatores que podem influenciar a escolha do modelo adequado de demanda
A existência de histórico da demanda passada.
Planejamento das campanhas publicitárias.
Localização física das instalações.Conjuntura econômica.
Planejamento de descontos e preços.
Ações dos concorrentes.

25/01/07 - 1 de 11

Módulo 1 – Previsão de Demanda

B.3. Classificação dos modelos de demanda
Qualitativo (subjetivo) >> apóia-se no julgamento e na opinião de alguém para
fazer a previsão. Utilizado quando existem poucos dados históricos ou para
apoio nas decisões finais.
Séries temporais >> utilizam ohistórico da demanda para realizar as previsões.
Ótimo quando a situação do ambiente é estável e o padrão básico da demanda
não sofre variações significativas.
Causal >> quando a previsão da demanda está relacionada com alguns fatores
conjunturais (p.e. situações econômicas, crises em outros países etc.).
Correlaciona-se causa com previsão de demanda.
Simulação >> Reproduz as escolhas dosconsumidores que geram as
demandas para chegar a uma previsão. Pode relacionar os modelos de Séries
Temporais e Causais.
O ideal é combinar todos os modelos para formação de uma previsão eficaz.
B.4. Modelos de Previsão de Série Temporal
Previsão do

Demanda
Observada (O)

=

Componente
Sistemático (S)

Estimativa do

+

Componente
Aleatório (A)

Objetivo de qualquer modelo
S >> Medeo valor esperado. Podem-se utilizar os dados históricos.
Nível >> demanda atual sem as sazonalidades.
Divide-se em

Tendência >> taxa de crescimento ou declínio da demanda para
o próximo período.
Sazonalidade >> flutuações sazonais previsíveis na demanda.

A >> Não pode ser previsto. Pode-se prever a dimensão e a variabilidade,
determinando-se uma medida de erro de previsão (mede o desvioentre a
previsão da demanda e a demanda real).
Considerando os modelos de Séries Temporais (dados históricos), pode-se dividi-los
em duas categorias básicas:

25/01/07 - 2 de 11

Módulo 1 – Previsão de Demanda

Estático >> faz-se estimativas para as diversas partes (nível, tendência e
sazonalidade) do componente sistemático da demanda.
Não atualizam o componente sistemático com baseem observações de novas
demandas e utilizam-se os cálculos dos valores médios ou as estimativas de
regressão.
Adaptável >> Atualiza-se as estimativas das diversas partes do componente
sistemático da demanda após cada observação da demanda.
Utilizam-se os cálculos com médias móveis, suavização exponencial simples e
suavização exponencial de séries com tendências e com variações de estado....
tracking img