Lixo rural

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4331 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DA REGIÃO DA CAMPANHA CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SÃO GABRIEL


CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO, COMUNICAÇÃO E ARTES


CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS e COLÉGIO DE ENSINO MÉDIO

















LIXO RURAL: PRODUÇÃO CONSCIENTE E SOLUÇÃO INTELIGENTE


AÇÕES AMBIENTAIS E EDUCATIVAS EM ONZE PROPRIEDADES RURAIS NO DISTRITO DE AZEVEDO SODRÉ DO MUNICÍPIO DE SÃO GABRIELNO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, BRASIL.














São Gabriel


2009
















































































1 TÍTULO


LIXO RURAL: PRODUÇÃO CONSCIENTE E SOLUÇÃO INTELIGENTE


AÇÕES AMBIENTAIS E EDUCATIVAS EM ONZE PROPRIEDADES RURAIS NO DISTRITO DEAZEVEDRO SODRÉ DO MUNICÍPIO DE SÃO GABRIEL NO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, BRASIL.





2 OBJETIVOS


• Realizar levantamento cultural-ambiental e diagnóstico da percepção ambiental por meio de um questionário, relacionado com a produção e destino final do lixo produzido pelas famílias rurais do distrito de Azevedo Sodré em São Gabriel/RS;


• Caracterizar o lixo produzido no meiorural para construir ações que envolvam a redução, reutilização e reciclagem do mesmo;


• Construir ações conjuntas de educação ambiental entre o grupo de trabalho e a comunidade rural do distrito de Azevedo Sodré/RS para selar a implantação de gerenciamento de resíduos, tendo em vista a redução da quantidade gerada de lixo e o destino ambientalmente adequado para o mesmo.


•Organizar e executar cursos de formação de educação ambiental para as comunidades das onze propriedades rurais, a partir do levantamento e do diagnóstico da percepção ambiental sobre o lixo, visando a socialização e a adequação dos conhecimentos às necessidades locais.


• Elaborar material escrito e ilustrativo abordando aspectos ambientais no formato de livros, cartilhas e/ou cadernopara subsidiar as ações de educação ambiental.


• Organizar palestras educativas sobre conceitos básicos de meio ambiente e cursos ou oficinas sobre reciclagem..















3 JUSTIFICATIVA





No ano em que o mundo admitiu que o homem é o principal responsável pelas mudanças climáticas e discute soluções para frear o aquecimento global, o Brasil insiste emempurrar para baixo do tapete a realização de um debate amplo e aberto sobre a problemática que envolve os resíduos tecnológicos, chamados resíduos hi-tech. Entre eles estão pilhas e baterias, lâmpadas fluorescentes, telefones celulares e equipamentos eletroeletrônicos (computadores, televisões, rádios e impressoras etc.). São toneladas de equipamentos que se tornam obsoletos em pouco tempo e cujodescarte adequado é desconhecido por grande parte da população brasileira. A maioria destes produtos possui em sua composição metais pesados, como chumbo, cádmio e mercúrio, entre outros. Se manuseados de maneira inadequada ou dispostos de forma irregular no solo oferecem riscos à saúde pública e ao meio ambiente, com perigo de contaminação do ar, do solo e das águas.


De acordo com a ATSDR(Agency for Toxic Substances & Disease Registry) - agência norte-americana que reúne registros de substâncias tóxicas e doenças - o cádmio é uma substância cancerígena para seres humanos e provoca vários outros males. Já o chumbo pode chegar ao homem pela ingestão de alimentos ou água contaminados, ou ainda ser aspirado junto com a poeira. Pode provocar danos ao sistema nervoso central, ao sistemaneurológico, e aos sistemas digestivos e reprodutores. O mercúrio, presente em pilhas, baterias, lâmpadas fluorescentes, termômetros, medidores de pressão e também em fertilizantes e fungicidas, é perigoso por ser cumulativo no organismo. Em casos crônicos, pode ocasionar lesões cerebrais. Nos casos de intoxicação aguda, pode causar náuseas, danos aos rins, diarréia, vômito e até levar à morte....
tracking img