Lixo hospitalar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2237 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

Este trabalho tem por objetivo apresentar a classificação dos resíduos hospitalares bem como suas normas de acondicionamento, sua descontaminação e sua deposição final.


2.1 Definição de Lixo Hospitalar

É todo produto ou material proveniente de procedimentos hospitalares que podem conter resíduos advindos de sangue, secreções, fluídos corporais,etc. Devem ser manipulados de forma cuidadosa e desprezados em locais adequados, conforme diretrizes pré-definidas.

2. Equipamentos de Proteção Individual (EPI)


Esta Norma fixa os procedimentos exigíveis para coleta interna e externa dos resíduos de saúde sob condições de higiene e segurança. Os EPI especificados devem ser os mais adequados para lidarem com resíduos de serviços edevem ser utilizados de acordo com as recomendações. Todos os EPI utilizados por pessoas que lidam com resíduos de serviços de saúde têm que ser lavados e desinfetados diariamente; sempre que ocorrer contaminação por contato com material infectante, os EPI devem ser substituídos imediatamente e enviados para lavagem e higienização. As características que são recomendadas para os EPI devem atender àsnormas do Ministérios do Trabalho.
• Uniforme: Deve ser composto por calça comprida e camisa com manga, no mínimo de ¾, de tecido resistente e de cor clara, específico para uso do funcionário do serviço, de forma a identificá-la de acordo com sua função.
• Luvas: Devem ser de PVC, impermeáveis, resistentes, de cor clara, de preferência branca, antiderrapantes e de cano longo. Para osserviços de coleta interna I, pode ser admitido o uso de luvas de borracha, mais flexíveis, com as demais características anteriores.
• Botas: Devem ser de PVC, impermeáveis, resistentes de cor clara, de preferência branca, com cano ¾ e solado antiderrapante. Para os funcionários de coleta interna I, admite-se o uso impermeável e resistente, ou botas de cano curto, com as demais característicasjá descritas.
• Gorro: Deve ser de cor branca, e de forma a proteger os cabelos.
• Máscara: Deve ser respiratória, tipo semi-facial e impermeável.
• Óculos: Deve ser lente panorâmica, incolor, ser de plástico resistente, com armação flexível, com proteção lateral e válvulas para a ventilação.
• Avental: Deve ser de PVC, impermeável e de médio comprimento.
• Carro dacoleta interna: Deve ser estanque, constituído de material rígido, lavável e impermeável de forma a não permitir vazamento de líquido, com cantos arredondados e dotado de tampas; tem que ser identificado com o símbolo referente ao resíduo; deve ser de uso exclusivo para a coleta de resíduos e deve possuir um volume máximo de transporte.
2.3 Classificação do Lixo Hospitalar

A composição dos RSS(resíduos de serviço de saúde) variam de acordo com o estabelecimento e da atividade que o produz. Para facilitar a classificação dos tipos de resíduos, eles são separados em grupos.

• Grupo A (potencialmente infectantes): resíduos que tenham presença de agentes biológicos que apresentem risco de infecção. Ex: bolsas de sangue, exsudato, meios de cultura inoculado, tecidos, órgãos, fetos,entre outros.

• Grupo B (químicos): que contenham substâncias químicas capazes de causar doenças ou contaminação ao meio ambiente. Ex: resíduo tóxico, corrosivo, inflamável, medicamentos vencidos, entre outros.

• Grupo C (rejeitos radioativos): materiais que contenham radioatividade em carga acima do padrão e que não possam ser reutilizados. Ex: material radioativo ou contaminado comradionucleos provenientes dos laboratórios de análises clínicas, serviço de medicina nuclear e radioterapia.

• Grupo D (resíduos comuns): qualquer lixo que não tenha sido contaminado ou possa provocar acidentes. Ex: resíduos de atividade administrativas, serviços de limpeza, restos alimentares, entre outros.

• Grupo E (perfurocortantes): objetos e instrumentos que possam furar ou...
tracking img