Linha do tempo da histórtia da educação

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 26 (6426 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ANHANGUERA
Uniderp-Interativa

Pólo de Ensino à distância

Desafio de aprendizagem:

História da educação e da pedagogiaArtigo apresentado a Faculdade Anhanguera, como pré requisito para a disciplina de História da Educação e da pedagogia, tendo como tema a linha do tempo da história da Educação.

Professor tutor presencial: Alex Sandro Paulo da Silva
Professora tutora à distância: Caroline Arins SbardeliniAcadêmicas: RA:

-Aparecida L. C. Ferreira 222212
luzinete964@yahoo.com.br
-Cláudia T. A. Gambogi 198132
cacauzinhalvarenga@hotmail.com
-Francinéa S. Souza 193330
francineastella@hotmail.com
-Lígia Morton 193065
ligia.ozzy@hotmail.comPEDAGOGIA-3º PERÍODO
LAVRAS/MG
ABRIL/2011

Resumo:

O tema abordado procura compreender o sentido de educar, enfocando as dificuldades no decorrer do tempo que a educação brasileira sofreu, seus avanços e acontecimentos marcantes que destacam-se também. Realiza-se umabreve reflexão da histórica acerca dos objetivos práticos da ação educacional com a finalidade de suscitar uma discussão em torno da compreensão de como surgiram as escolas de nível fundamental, médio e superior.
A pedagogia é a teoria crítica da educação, isto é, da ação do homem quando transmite ou modifica a herança cultural. A educação não é um fenômeno neutro, mas sofre os efeitos daideologia, por estar de fato envolvida na política, mas a questão é até que ponto a política está ligada a educação e como ainda o tempo contribui para estas influências que tornam-se cada vez mais evidentes. É através do domínio do tema abordado que os docentes podem se conscientizar dos "erros" do passado e tentar intensificar seus ensinamentos contribuindo para o progresso profissional da geraçãofutura.

Palavras- chave: Educação, Brasil, períodos, rupturas, decretos.

Linha do tempo da história da educação:

Período Jesuítico (1549-1759)
Período Pombalino (1760-1808)
Período Joanino (1808-1821)
Período Imperial (1822-1888)
Período da Primeira República (1889-1929)
Período da Segunda República (1930-1936)
Período do Estado Novo (1937-1945)
Período daNova República (1946-1963)
Período do Regime Militar (1964-1985)
Período da Abertura Política (1986-2003)

Período Jesuítico: A alfabetização pela fé

No primeiro momento, a chegada dos jesuítas ao Brasil (comandados pelo Padre Manoel de Nóbrega) desencadeou a interrupção da educação indígena e quinze dias após a chegada, ergueram a primeira escola elementarbrasileira, localizada em Salvador (BA), tendo como mestre o Irmão Vicente Rodrigues que acaba se tornando o primeiro professor com “moldes” europeus em terras brasileiras.
Dedicavam-se exclusivamente a fé católica e ao trabalho educativo onde o ensino era feito nas casas que eram construções de taipas simples, anexadas às aldeias. O nomadismo, uma das características marcantes da cultura indígenaatrapalha a educação em terra brasilis. Também houve mudanças nos métodos pedagógicos porque as escolas passam a regulamentar um documento que foi escrito por Inácio de Loiola. Este modelo permanece funcionando de 1549-1759 sendo corrompido por causa da missões, 17 colégios e seminários.

Período Pombalino: Primeiro colégio para brancos

O objetivo do Marquês de Pombal era...
tracking img