Linguagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4343 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL


RESUMO
Este presente artigo abordou o tema Jogos na Educação Infantil com intuito de analisar qual a importância dos jogos no processo cognitivo das crianças. Para atingir este objetivo foi realizada uma análise da origem do brincar e verificou-se como o professor pode ser promovedor das atividades lúdicas. Como conclusão, analisou-se que a brincadeira éinsubstituível, desde a primeira fase, para a aquisição de habilidades e hábitos sociais. Observou-se que a criança cria uma situação imaginária no brinquedo. Desta forma, o brinquedo proporciona a criação por parte da criança, e também é fruto da sua imaginação. Uma das características principais do brinquedo é a motivação que ele proporciona para a criação do mundo imaginário vital para odesenvolvimento global do ser humano. E é a partir do brinquedo que a criança aprende a agir.




1 INTRODUÇÃO


A organização do trabalho pedagógico, em qualquer um dos seus níveis, necessita da expressão de uma concepção sobre os critérios adotados para uma avaliação. No caso da Educação Infantil a postura avaliativa por parte dos professores permite que haja um desprendimento da rotulação dosalunos de maneira singular e uniforme.
Esta atitude permite que os professore acompanhem a história de cada criança, agindo como mediadores das crianças nas relações com o mundo que as cerca. O conhecimento surge da relação que as crianças estabelecem com outras crianças e com os adultos.A organização do trabalho pedagógico visando alcançar estes objetivos pode assumir várias formas comdiferentes concepções e métodos.
Mas até que ponto as práticas utilizadas em sala de aula estão pautadas em uma postura de respeito à criança? Como fatores relacionados à origem social e cultural estão sendo avaliados no processo educativo pelos professores? Como ao to de brincar está sendo utilizado pelos professores como recurso pedagógico em sala de aula?
Nesta ótica o objetivo geral deste presente éidentificar a visão e as práticas pedagógicas utilizadas pelos professores durante a adoção de atividades que incluam o ato de brincar na viabilização do conhecimento; interação e desenvolvimento infantil.
Como objetivos específicos, procurar-se-á: observar como as atividades lúdicas podem desenvolver a capacidade da criança em coordenar suas necessidades e pontos de vista possibilitando umainteração social; avaliar como diferentes tipos de linguagem que incluem: a escrita, a matemática, a plástica , a música e as atividades corporais podem possibilitar que a criança aumente o seu poder de compreensão com o mundo viabilizando assim uma melhor comunicação com o mundo; Avaliar a interação das crianças com o seu meio sócio-cultural e como as atividades propostas em sala de aulapossibilitam um entendimento entre as informações que já detém com as novas informações que recebem; Avaliar as crianças em particular, sem fazer analogias entre elas, tentando assim, compreender que cada uma transporta pensamentos, história e estilos de vida próprios e intransponíveis e analisar as teorias de Vygostsky e Fröebel, observando como elas estão sendo colocadas em prática em sala de aula.2- REVISÃO DE LITERATURA

2.1 Origem do brincar na Educação

Na Antigüidade, as crianças participavam das mesmas brincadeiras dos adultos. Toda a comunidade participava das festas e brincadeiras, com a finalidade de estreitar os laços afetivos. Essas brincadeiras, jogos e divertimentos eram vistos sob dois prismas. Uma parte da sociedadeaceitava este tipo de atitude, percebendo-as como meio de crescimento social, os outros recriminavam, pois associavam aos prazeres carnais, ao vício e ao azar.
Para Kishimoto (1993), os jogos tradicionais infantis não possuem uma origem certa, pois além de seus criadores serem anônimos, são de origem muito antiga, acreditando-se que povos da Grécia e Oriente brincavam de papagaios e de jogar...
tracking img