Linguagem materna

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (361 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Muitos psicólogos, professores e pesquisadores da linguagem contestam a premissa de que as crianças adquirem a linguagem sem esforço. Argumentam que elas são ensinadas, sim, e que realmente aprendema língua durante o processo. Também os sociolingüísticas e os funcionalistas criticam aquela premissa, defendendo o aprendizado em termos de interação e desenvolvimento social. Apesar das críticas,nenhuma conseguiu derrubar a dedução gerativa ou, pelo menos, apresentar uma teoria alternativa para o pensamento e a linguagem. Esses “mistérios” a respeito da linguagem têm gerado inúmeros estudos e odesenvolvimento de vários pressupostos teóricos dentro da lingüística, da psicologia e da educação. É a alguns desses pressupostos, em especial aos relacionados ‘a aquisição de linguagem, que daremosatenção a partir de agora. A aquisição de linguagem é uma subárea dos estudos lingüísticos, mais especificamente da psicolingüística; esta, por sua vez, é o campo da lingüística que se preocupa comas questões relacionadas ao processamento e à aprendizagem de línguas.
com o objetivo de propiciar uma reflexão de ordem prática sobre a aquisição da língua materna – tendo em vista a questão do“erro” na fala da criança tratamos sobre a relação entre a fala da criança e a fala do adulto no processo de aquisição e sobre a questão da língua materna. O intuito é fornecer ao professor elementos pararepensar o relacionamento entre a fala do adulto e a da criança na aquisição de linguagem.
Pode-se começar a tratar de aquisição de linguagem a partir de um fato já conhecido: o bebê humano não falaao nascer e passa a falar uma língua, chamada de língua materna. Contudo, para compreender as mudanças que ocorrem durante a aquisição da língua materna é necessário lançar mão de
uma teoria.
Línguamaterna: palavra e silêncio na aquisição de linguagem a mudança da criança da sua posição de infans (aquele que não fala) à de ser falante. As mudanças na aquisição de linguagem constituem-se...
tracking img