Lingua poder e diversidade cultural

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4684 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Este trabalho tem como corpus uma entrevista feita no dia onze de novembro de dois mil e dez com duração de trinta e três minutos e vinte e oito segundos, o entrevistado foi Victor Yan, um policial militar, estudante do curso de Administração da Universidade Federal da Bahia, que possui vinte e dois anos, natural de Salvador – Bahia e que há quatro anos reside aqui em Barreiras-Bahia. Oobjetivo da consulta era compartilhar brevemente sua história de vida e avaliar do informante suas impressões sobre a linguagem e sua vasta cadeia de atribuições.

Ressaltando que o que mais chamou atenção na entrevista em questão,foi quando o informante mencionou que os policiais militares são treinados para abordar as pessoas em geral com uma linguagem técnica. Linguagem essa aprendida noAcadêmia de Formação e que deve ser usada em qualquer abordagem. O informante deixa claro que essa linguagem não pode ser usada como parâmetro, pois não envolve somente palavras, mas também ações (mãos na cabeça,corpo rente a parede,etc). O entrevistado deixa entender que todos os cidadãos são alvos dessa abordagem e que a mesma é feita por completa, ,não havendo qualquer distinção entre pessoa.Numa análise mais criteriosa nota-se o tão quanto é importante o trabalho dos policiais, com suas abordagens que por diversas vezes se torna uma arma letal contra o crime organizado. Quando armas, drogas ou quaisquer instrumentos que possa ser usado para o mal é interceptado pela policia, pode uma vida que pode ser poupada. As drogas, quando vendidas livremente nas chamadas “bocas de fumo” roubasem piedade a vida de milhares de jovens viciados, as armas contrabandeadas que são usadas para assaltos e para fortalecer facções criminosas, que por sua vez, dominam comunidades inteiras, não deixando qualquer opção para as crianças que ali moram, que ao crescerem nessa realidade são fadados a seguir com esse circulo de terror. Numa sociedade em que tudo é de imediato e que o indivíduo não sepreocupa tanto com o próximo, a policia se mostra eficiente, tanto para a diminuir as estatísticas de violência no nosso país, ora também na conscientização das pessoas, que são aconselhadas a seguir permanentemente o caminho do bem. Tais profissionais passam confiança para a população, quando exercem seu trabalho com seriedade e estima. Mesmo com as diversidades encontrada, o policial obstinado é deextrema importância na vida das pessoas e no combate ao mal.

TRANSCRIÇÃO

Doc= documentador
Inf= informante

Doc: oi... eu sou Rôney Gleison e aqui do meu lado encontra-se Victor Yan que será entrevistado e falará um poquinho sobre... a diversidade da língua.

Doc: olá Victor. Tudo bem?
Inf:tudo bem e você?

Doc: tudo tranqüilo
Doc: éh::qual é a sua idade Victor?
Inf: vinte e doisanos

Doc: profissão?
Inf: policial militar

Doc: bem Victor me conte um pouquinho sobre você

inf:(bom) me chamo Victor Yan sou policial militar tenho 22 anos com já foi dito... sou natural de Salvador onde residir por 18 anos... há quatro anos moro em Barreiras::...
ou além de policial militar:: éh... estudante do curso de administração da UFBA/ICADS e:::: no mais só sou uma pessoanormal... como qualquer outra... torcedor do Bahia e baiano de Salvador

Doc: o que te fez vir morar... em Barreiras e deixar Salvador a capital?

Inf: bom... eu tinha:::: alguns planos em minha vida e um deles era... amadurecer longe de casa né? tinha:: um pensamento de... buscar sempre... está... ganhando bagagem né? de vida e:: chegou uma hora que... para eu manter esses planos vivos dentrode mim eu teria que sair de casa... surgiu a oportunidade de estudar aqui em Barreiras... me inscrevi no vestibular passei... e:: sem pensar duas vezes me mudei apesar de que... alguns problemas né? como... está muito longe de casa... saudade da família dos amigos... PEsaram muito na hora de eu decidir porém... eu achei e fiz o que o coração estava mandando né? que era... buscar minha...
tracking img