Lingua padrao

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (399 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS
FACULDADE DE LETRAS
FALE / UFMG

A argumentação nas ciências da linguagem: problemas e interfaces

Belo Horizonte / 2009

FALE / UFMG

O principaldesafio da argumentação é que seu maior instrumento é a linguagem. Não podemos considerar que haja problemas significativos com a linguagem, mas com a maneira que nos desenvolvemos a partir dela,pois as possibilidades para direcionarmos um raciocínio específico são diversas. Assim como a língua, o discurso tem várias possibilidades. Ele pode não ser constituído de qualquer valor; pode, em outroscasos, transpor as barreiras limitadas do orador; ou ainda, o colocar na pior condição que um enunciador pode ter. É preciso explorar a língua com voracidade e cautela ao mesmo tempo para que odiscurso tenha sentido, força, validade e adesão por completo. Todos têm o instrumento ao seu alcance. É importante conhecê-lo bem, respeitá-lo e explorá-lo com responsabilidade e raciocínio. Linguagem eargumentação se completam e não se separam em praticamente nenhum segmento humano.Contudo, a argumentação não é uma atividade de linguagem apenas. Quanto mais conhecimento o orador ou enunciador tiverna “bagagem”, mais condições e possibilidades estarão também ao seu dispor. Cada tipo de discurso pode estar relacionado a uma vertente especifica do conhecimento humano, e relacionar as condições dodiscurso a uma determinada área é fundamental para obter sucesso ou o que chamamos de adesão.
Há uma relação visível entre argumentação, interação e discurso. É possível perceber taisevidências relacionais na forma em que a linguagem é disposta e na comunicação estabelecida entre emissor e receptor. As palavras “nascem” neutras, tais como se apresentam no dicionário, e ao serem apropriadascom fins argumentativos, elas passam a expressar valores, idéias e ideologias, cumprindo um amplo papel nas funções persuasivas. A argumentação não trata da língua e nem da palavra separadamente,...
tracking img