Lingua inglesa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 26 (6450 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DO NORDESTE DE MINAS GERAIS /FINOM



A PRÁTICA PEDAGÓGICA DA DISCIPLINA LÍNGUA INGLESA NA E.E.E.F. 15 DE OUTUBRO DO MUNICÍPIO DE BELÉM - PA

CAMETÁ-PARÁ
2012
Fernanda Nathalia Ferreira Gomes

A PRÁTICA PEDAGÓGICA DA DISCIPLINA LÍNGUA INGLESA NA E.E.E.F. 15 DE OUTUBRO DO MUNICÍPIO DE BELÉM - PA

Artigo Científico de pós-graduação apresentado a Faculdade do Noroeste deMinas–FINOM, como parte dos requisitos para obtenção do título de Especialização em Língua Inglesa, sob a orientação da Profª. Especialista Geanice Raimunda Baia Cruz

CAMETÁ-PARÁ
2012
A PRÁTICA PEDAGÓGICA DA LÍNGUA INGLESA NA E.E.E.F. 15 DE OUTUBRO DO MUNICÍPIO DE BELÉM - PA

Fernanda Nathalia Ferreira Gomes
Geanice Baia Cruz

RESUMO:
O presente artigo busca refletir como é trabalhada aprática pedagógica de Língua Inglesa no Ensino Fundamental na E.E.E.F. 15 de Outubro, o mesmo tem o objetivo de discutir como pode ser trabalhado essa disciplina de uma forma mais prazerosa para assim facilitar o aprendizado do discente e a maneira de ensinar do docente.

Palavras – chave: Práticas pedagógicas; inglês; ensino – aprendizagem.

ABSTRACT
This article aims to reflect how it iscrafted pedagogical practices in English-language elementary school in E.E.E.F. 15 de Outubro, it aims to discuss how this discipline can work in a more pleasurable for students, to facilitate the learning of the student and the teacher's way of teaching.

KEY WORDS: pedagogical practices; English, schools, teaching - learning.

INTRODUÇÃO

O motivo maior da escolha desse tema deve-se aosavanços tecnológicos a partir do século XX, quando o mundo globalizado passa a exigir da sociedade e, em especial dos educadores, que tem a grande missão: formar cidadãos críticos e conscientes do seu real papel na sociedade, atuando como agente transformador da realidade em que vivem.
Sabe-se que na sociedade do conhecimento e da tecnologia da informação, em que vivemos, o aprendizado de línguasestrangeiras e a ampliação do próprio espaço cultural, são necessidades incontestáveis para a formação de um profissional crítico diante dos novos desafios do mercado de trabalho.
Para responder a essas necessidades, a sala de aula de língua estrangeira é, geralmente, vista como o espaço formal adequado para que os aprendizes desenvolvam a competência de uso da nova língua. De maneira geral,há uma tendência de se considerar esse espaço formal e as atividades ali realizadas como suficientes para a aquisição de uma Língua Estrangeira (LE), muitas vezes compreendida sob uma relação sinonímica com o manejo de formas sistêmicas da língua-alvo. Essa compreensão simplificada, bastante recorrente entre os aprendizes, os distancia da real complexidade da tarefa de aprender línguas que, bem alémdo domínio do código linguístico, representa uma reorganização do próprio espaço cultural e da subjetividade, uma vez que ao nos depararmos com uma nova cultura e língua, ao nos depararmos com o “outro”, ocorre uma (re)construção da nossa própria identidade.
Por tratar-se de processo tão valioso, quanto complexo, devemos, enquanto profissionais do ensino de línguas, nos preocupar com oestabelecimento de atitudes e procedimentos que possam contribuir para uma atuação otimizadora no processo.
Nesse sentido, tendo em vista o problema da falta de incentivo nas aulas de inglês pelos alunos da escola pesquisada e a problemática da metodologia adotada pelo docente surge à necessidade de buscar resultado satisfatório para o ensino de inglês no ensino fundamental, por isso o problema érelevante, haja vista que busca solução para um acontecimento que ocorre há muito tempo não só na escola em questão como também em muitas escolas brasileiras, para essa situação torna-se pertinente a pesquisa do tema com o objetivo de encontrar uma solução para tal problema, buscando ajudar não só o aluno, incentivando-o, como também o professor.

1. Historicizando o ensino do inglês na prática...
tracking img