Limites e desafios

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4932 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
COORDENADOR PEDAGÓGICO: LIMITES E DESAFIOS NO CONTEXTO ESCOLAR1 BASSO, Carlos Roberto 2 FROZZA, Elis Regina ANDRADE, Loreci Lemes Rodrigues SOETHE, Miriam DISARZ, Rubiani Teresinha SANGALLETTI, Sandra Tressi SILVA, João Carlos da (orientador) 3 Introdução Na escola atual o Coordenador Pedagógico é levado a assumir várias funções, muitas vezes relegando em segundo plano aquela atividade quepoderíamos considerar como essencial. O presente artigo busca discutir a função central do Coordenador Pedagógico no espaço escolar. Os resultados aqui apresentados são frutos das atividades desenvolvidas durante o ano letivo de 2007, na disciplina de Prática de Ensino I do Curso de Pedagogia da UIOESTE/ Extensão de Santa Helena. Nossos estudos foram embasados em discussões de textos como, Bussmann(1995), Veiga (1995), Pimenta (1997), Ferreira (2002), entrevistas e questionários, realizados com a equipe pedagógica e professores da escola campo de estágio, bem como observações do cotidiano do Coordenador Pedagógico. O Coordenador Pedagógico no contexto do Projeto Político-Pedagógico (PPP) No texto Projeto Político-Pedagógico da Escola: uma construção coletiva, Ilma Passos Alencastro Veiga (1995)afirma que no projeto político-pedagógico, a escola deve planejar o que tem a intenção de realizar, devendo este nortear todo processo educativo e não apenas satisfazer exigências meramente burocráticas. Para a autora, todo projeto pedagógico é político “[...] por estar intimamente articulado ao compromisso sócio-político com os interesses reais e coletivos da população majoritária. É político nosentido de compromisso com a formação do cidadão para um tipo de sociedade.” (VEIGA, p. 13). Nesse sentido o PPP deve propiciar permanentemente a reflexão e discussão dos problemas da escola, além da vivência democrática necessária para a participação de todos os membros da comunidade escolar, superando os conflitos e eliminando as relações
1

Este artigo é resultado parcial das atividadesdesenvolvidas junto a Disciplina de Prática de Ensino I, durante o ano letivo de 2007 2 Acadêmicos do 3. ano, do Curso de Pedagogia da Unioeste – Extensão de Santa Helena: elisrf2@yahoo.com.br 3 Professor do Colegiado de Pedagogia, UNIOESTE. Doutorando no Programa de Pós-Graduação em História e Filosofia da Educação/UNICAMP. Membro do Grupo de pesquisa HISTEDBR, GT-Cascavel, Pr. E-mail:jcsilva@unioeste.br

competitivas. Para isso faz-se necessário uma autonomia da escola na elaboração do seu projeto, através do debate, diálogo e reflexão coletiva, recebendo apenas assistência técnica e financeira das instâncias superiores do sistema de ensino. O projeto político-pedagógico deve estar embasado em princípios que norteiam a escola democrática, pública e gratuita como: igualdade de condiçõespara o acesso e permanência na escola; qualidade para todos, e não só para as minorias econômicas e sociais; gestão democrática que envolva a participação dos representantes dos diferentes segmentos da escola nas decisões/ações administrativas pedagógicas ali desenvolvidas; liberdade; valorização do magistério. A implementação desses princípios básicos na elaboração do PPP deve contribuir para asuperação da fragmentação do trabalho pedagógico. Veiga (1995) ainda aponta elementos básicos na construção do projeto políticopedagógico: finalidades que se referem aos efeitos intencionalmente pretendidos e almejados pela escola; estrutura organizacional que visa identificar quais estruturas são valorizadas e por quem, verificando as relações funcionais entre elas; currículo que é uma construçãosocial do conhecimento pressupondo a sistematização dos meios para que esta construção se efetive; tempo escolar que ajuda na organização do trabalho pedagógico e é composto por calendário e horário escolar, entre outros; processo de decisão que deve prever mecanismos que estimulem a participação de todos; relações de trabalho calcadas nas atitudes de solidariedade, reciprocidade e participação...
tracking img