ligas metalicas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1999 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de novembro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
ANHANGUERA EDUCACIONAL
FACULDADE DE ENGENHARIA MECÂNICA





MAURÍCIO FERNANDES RA: 8408998562



LIGAS METALICAS

















CUIABÁ– MT
2014

ANHANGUERA EDUCACIONAL
FACULDADE DE ENGENHARIA MECÂNICA


MAURÍCIO FERNANDES RA: 8408998562





ATIVIDADE DE QUÍMICA


Trabalho apresentado à Faculdade de Engenharia Mecânica da Anhanguera Educacional,para obtenção de nota parcial da disciplina de Química, sob orientação do Prof. Me. Jeferson.








CUIABÁ– MT
2014



INTRODUÇÃO

A descoberta e fundição de metais deu início à idade dos metais, na pré-história humana, considerado a segunda fase do período neolítico, depois que o homem aprendeu a controlar o fogo. O primeiro metal utilizado foi o cobre. Com o passar dos anos, oestanho também foi usado como outro recurso na fabricação de armas e utensílios. Com a junção desses dois metais, por volta de 3000 a.C., surgiu o bronze. Após um longo tempo, descobriu-se o ferro. Por volta de 1500 a.C., este metal teve um lento processo de propagação, devido às difíceis técnicas de manipulação das suas ligas.
A partir da era do metal, observa-se o início de uma revolução quantoà consolidação e expansão das primeiras civilizações antigas, devido à resistência dos produtos à base de metais.
Alguns metais nobres (ouro e prata), assim como as pedras preciosas, pela sua raridade, sempre foram objetos de grande desejo econômico e ornamental e, por isso, causa de muitos conflitos ao longo da história.
A resistência mecânica dos metais e a condutibilidade elétrica são aspropriedades mais importantes que justificam a altíssima dependência do homem pelos metais.

O aço

O aço é uma liga de ferro com menor teor de carbono. Para produzi-lo a partir do ferro-gusa basta, portanto, retirar dele, em estado de fusão, parte do carbono e de outros elementos, o que se faz por oxidação dos mesmos. O preparo do aço constitui, em última análise, o objetivo maior de todo oprocesso siderúrgico.
Existem inúmeros tipos de aços, diferindo uns dos outros pela composição, que lhes comunica variadas características mecânicas. Há aços comuns, aços de construção, aços inoxidáveis e ainda os aços especiais destinados ao fabrico de ferramentas e utensílios. São classificados de acordo com a quantidade de carbono, composição química, constituição microestrutural e aplicação.
Naprodução de aços especiais, entram na liga, além do carbono, vários outros elementos como o cromo, o níquel, o fósforo, que lhes dão as propriedades particulares. Geralmente, por razões econômicas, produz-se primeiro o aço comum (que encontra aplicação em grande número de fábricas e construções) e, posteriormente, através de elaboração especial, aços com as qualidades requeridas.
Define-se comoaço a liga ferro-carbono na qual a porcentagem deste último pode ir de 0,05% a 2%. Uma porcentagem superior já é característica do ferro fundido, ou do ferro-gusa. O aço é obtido por meio de "afinação" da gusa, ou seja, através de um tratamento térmico que elimina o excesso de carbono (que na gusa pode subir até 4,5%).
Além do carbono, eliminam-se também todas as substâncias estranhas que, duranteo processamento no alto-forno (relativamente grosseiro), não puderam ser descartadas. Tais substâncias são, principalmente, óxidos e carbonetos de ferro, de silício e de manganês, além de alguns elementos em bem menor quantidade mas não menos prejudiciais. Entre estes, em particular, destacam-se o enxofre e o fósforo, cuja presença altera em muito as propriedades do aço.

O aço inoxidável

Oaço inoxidável é uma liga de ferro e crómio, podendo conter também níquel, molibdénio e outros elementos, que apresenta propriedades físico-químicas superiores aos aços comuns, sendo a alta resistência à oxidação atmosférica a sua principal característica. As principais famílias de aços inoxidáveis, classificados segundo a sua microestrutura, são: ferríticos, austeníticos, martensíticos,...