Liberdade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4996 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

Área de competências: Cidadania e Profissionalidade
Núcleo gerador 1- Direitos e Deveres

Formadores: Drº Naldo Bernardes
Drª Cândida Ferreira

Formanda: Rute Moreira

Figueira da Foz, ano lectivo 2010/2011

Índice
Introdução pagina 4

1. Liberdade e responsabilidade pessoal 5
1.1 a minha noção de liberdade5
1.2 Clarificação da noção de liberdade 5
1.3 Relação liberdade, responsabilidade na construção da pessoa 8
1.4 Liberdade, responsabilidade na construção do bem comum 9
1.5 Gerações futuras e responsabilidade actual 10
1.6 Vivencias pessoais de liberdade e responsabilidade 10

2- Direitos, Deveres e Contextos Globais 11

2.1Artigos que mais se evidenciam 11
2.2 Direitos mais violados ou transgredidos 12
2.3 Noticia que evidencie o comprimento de um artigo 13
2.4 Noticia sobre o incumprimento de um dos direitos 14
2.5 31º Artigo 15
2.6 Comentário á declaração universal dos direitos da mulher
E da criança 15

Conclusão17
Bibliografia/ Web grafia 18

Introdução

Este trabalho foi realizado na área de competência chave – Cidadania e Profissionalidade e no âmbito dos Núcleos Geradores 1- Liberdade e Responsabilidade, 4- Direitos, Deveres e Contextos Globais.

Na primeira parte deste trabalho, começarei por uma reflexão sobre o que entendo por liberdade para depois, no desenvolvimento destetrabalho, tentar esclarecer temas como Liberdade e Determinismo, segundo o ponto de vista de dois filósofos de épocas diferentes, Aristóteles e Bento Spinoza. Face à complexidade do conceito estudado, a elaboração deste trabalho exige ainda uma tomada de posição pessoal e crítica, mediante a reflexão feita acerca das concepções de cada filósofo, que me ajudarão a formar a minha própria concepção daLiberdade, baseada, agora, na pesquisa realizada e no trabalho elaborado. Serão também abordados os temas que relacionam; Liberdade e a responsabilidade na construção de cada indivíduo, na construção e manutenção do bem comum e por fim, será aludida a questão da nossa responsabilidade para com as gerações futuras.

Na segunda parte do trabalho reflectiremos sobre a Declaração Universal dosDireitos do Homem, os direitos mais transgredidos, aqueles que se evidenciam pelo seu cumprimento e um comentário pessoal á Declaração Universal dos Direitos da Mulher e da Criança.

1.Liberdade e Responsabilidade Pessoal

1.1.A minha noção de liberdade

O que é para mim a liberdade? O que significa para mim enquanto pessoa, cidadã e mãe? Desde adulta que sou livre de fazer as minhasescolhas, sou livre para exercer o meu direito de voto e a minha liberdade de expressão. Sou livre porque vivo num país democrático, porque posso mudar de emprego ou de profissão se assim o desejar, posso optar por uma qualquer religião ou mesmo nenhuma. Mas serei realmente livre? Poderei eu, como pessoa autónoma, tomar a decisão que quiser? Poderei, como mãe, fazer determinadas escolhas pelo meu filho,sem que as mesmas afectem o seu futuro? Poderei ser livre ao ponto de as minhas opções ou escolhas não interferirem com a liberdade das outras pessoas? A minha resposta a estas perguntas é sim e não. Sim, posso ser livre de fazer as minhas escolhas a partir do momento que seja capaz de assumir as responsabilidades que daí advêm, posso optar sempre por defender as minhas opiniões e decisões desdeque estas não interfiram directamente com as das outras pessoas. E não, não posso dizer que sou completamente livre a partir do momento em que vivo em sociedade e em que existem pessoas ou circunstâncias que me podem impedir de fazer o que eu quiser.

1.2. Clarificação da noção de Liberdade

Na tentativa de clarificar o conceito de liberdade, encontrei duas posições distintas quanto à...
tracking img