Liberdade de Expressão Sim, Hipocrisia Não

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (311 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de janeiro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
Liberdade de Expressão Sim, Hipocrisia Não
Está em debate no Supremo Tribunal Federal (STF) a questão da possível inconstitucionalidade das decisões judiciais que têm proibido apublicação de biografias não-autorizadas no país. A Associação Nacional dos Editores de Livros (Anel) argumento [argumenta] que os artigos 20 e 21 do Código Civil contrariam a liberdade deexpressão e informação.

Os artistas e outras personalidades públicas, focos de interesse dos autores de biografias, defendem, é claro, a sua privacidade a todo custo. Como, [custo,como,] por exemplo, Caetano Veloso, que ironicamente se contradiz ao afirmar ser a favor das biografias não-autorizadas de figuras como José Sarney e Roberto Marinho. Ou seja, ele, assimcomo outros artistas do grupo "Procure Saber", está agindo de acordo com os seus próprios interesses - e não os da nação; [nação.] Muitas dessas personalidades públicas defendem até queparte dos lucros dessas biografias sejam repassados ao próprio biografado, pedido bastante questionável que revela mais ainda as fragilidades desse movimento.

O país não pode estarà mercê de qualquer tipo de censura e dos interesses mesquinhos de figuras públicas. Nem tudo o que vem à tona nas biografias não-autorizadas é verdadeiro e benéfico, porém o contrário émuito mais perigoso. Já disse o grande pensador Voltaire, "Não concordo com uma só palavra do que dizeis, mas defenderei até a morte vosso direito de dizê-lo." A liberdade de expressãoestá no cerne do ideal de nação e sociedade a que todo país democrático almeja.

Portanto, é imperativo que se questione com rigor a constitucionalidade desses artigos e decisõesjudiciais sem deixar que personalidades públicas interfiram nos caminhos que interessam essencialmente ao povo brasileiro e seu futuro como nação democrática.

FONTE: uol.com.br
tracking img