Lei de coulomb exercicios resolvidos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2004 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1

´ CARGA ELETRICA E LEI DE COULOMB
negativa ao outro, ele ficar´ carregado positivamente, com a a mesma quantidade de carga cedida ao outro.
Corpos neutros

´ A eletrost´ tica e um ramo da f´sica que estuda os fenˆ menos a ı o relacionados com cargas el´ tricas em repouso. Um dos e primeiros fenˆ menos de origem eletrost´ tica foi observado o a pelos gregos e descrito por Tales de Miletopor volta do ano ˆ 600 a.C. Eles observaram que pedacos de ambar (elektron em ¸ grego), quando atritados com tecidos adquiriam a capacidade de atrair pequenas part´culas de outros materiais. Como a ı ciˆ ncia experimental e dedutiva ainda estava longe de ser e desenvolvida, o interesse nesse fenˆ meno sempre permaneo ceu no campo da l´ gica e da filosofia. A interacao entre o ¸˜ objetos eletricamentecarregados (forca eletrost´ tica) s´ foi ¸ a o quantificada e equacionada no s´ culo XVIII pelo cientista e francˆ s Charles A. Coulomb. e
´ 1.1 CARGA ELETRICA

Todos os objetos da natureza cont´ m cargas, por´ m na e e maioria das vezes n˜ o conseguimos percebˆ -las. Isto se deve a e ao fato de que os objetos contˆ m quantidades iguais dos dois e tipos de cargas: cargas positivas e cargasnegativas. Assim, a igualdade leva ao equil´brio de cargas e dizemos que os ı objetos s˜ o eletricamente neutros, ou seja, n˜ o possuem uma a a ´ carga l´quida. Se este equil´brio e desfeito, dizemos que um ı ı corpo est´ eletrizado, ou seja, uma carga l´quida existir´ e ele a ı a poder´ interagir eletricamente. a
Condutores e isolantes

´ Assim como a massa, a carga el´ trica e uma propriedade eintr´nseca da mat´ ria. Ao longo dos s´ culos, as observacoes ı e e ¸˜ experimentais permitiram a descoberta de importantes propriedades que a carga el´ trica possui. e
ˆ O ambar

Condutores s˜ o materiais em que um n´ mero significativo a u de part´culas carregadas (el´ trons livres) podem movimentarı e se livremente. Nos materiais n˜ o-condutores ou isolantes a as part´culas carregadas n˜ o semovem livremente. Quando ı a uma certa quantidade de carga se move atrav´ s de um mae terial condutor dizemos que existe uma corrente el´ trica no e material.
Unidade SI

Um dos primeiros ind´cios da existˆ ncia da carga el´ trica foi ı e e constatada na Gr´ cia antiga. Por volta de 600 a.C. o fil´ sofo e o ˆ grego Tales de Mileto notou que o ambar (uma resina f´ ssil), o quando atritado com al˜ , adquiria a propriedade de atrair a objetos leves. A palavra eletricidade surgiu exatamente a ˆ partir do termo grego para o ambar, elektron.
Dois tipos de eletricidade

´ ´ A unidade SI de carga e o Coulomb (C). Ele e definido em termos da unidade de corrente el´ trica, o amp` re (A), e e como a carga que passa por um determinado ponto em 1 segundo quando uma corrente de 1 amp` re est´ fluindoe a atrav´ s daquele ponto. A corrente el´ trica ser´ estudada no e e a Cap´tulo 6. ı
´ Quantizacao da carga eletrica ¸˜

O f´sico francˆ s Charles Francois du Fay (1698-1739) desı e ¸ ˆ cobriu outra caracter´stica interessante: pecas de ambar ı ¸ eletrizadas por atrito com um tecido se repelem, enquanto ˆ o vidro eletrizado atra´a o ambar. Duas “esp´ cies” de carga ı e ˆ el´ trica foramdefinidas: resinosa, relacionada ao ambar, e e v´trea. Mais tarde Benjamin Franklin (1707-1790) adotou de ı forma totalmente arbitr´ ria os termos utilizados atualmente: a carga positiva e negativa.
˜ Princ´pio da atracao e repulsao ı ¸˜

No s´ culo XVIII, a carga el´ trica era considerada como um e e fluido cont´nuo. Entretanto, no in´cio do s´ culo XX, Robert ı ı e Millikan (1868-1953) descobriu que ofluido el´ trico n˜ o era e a cont´nuo e, sim, que a carga el´ trica era constitu´da por um ı e ı m´ ltiplo inteiro de uma carga fundamental e, ou seja a carga u q de um certo objeto pode ser escrita como q = ne, com n = 1, 2, 3, ... onde e possui o valor de 1, 60 × 10−19 C, sendo considerada uma das constantes fundamentais da natureza. Podemos ent˜ o dizer que a carga el´ trica existe em...
tracking img