Le gof

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 32 (7797 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Texto: LE GOFF, Jacques. Memória. In: _____. História e memória 5ª ed. Campinas, SP: Editora UNICAMP, 2003. p. 419-476.

HISTÓRIA E MEMÓRIA: ALGUMAS OBSERVAÇÕES

RESUMO

O texto faz uma breve análise das relações entre História e Memória a partir das obras de Peter Burke, Henry Rousso e Jacques Le Goff.

Palavras-Chave: Memória - História - Representações.

A Memória, no sentidoprimeiro da expressão, é a presença do passado. A
memória é uma construção psíquica e intelectual que acarreta de fato uma representação
seletiva do passado, que nunca é somente aquela do indivíduo, mas de um indivíduo
inserido num contexto familiar, social, nacional. Na perspectiva de Maurice Halbwachs
(1877-1945), toda memória é “coletiva”. Ou ainda, conforme Henry Rousso, “seu
atributo maisimediato é garantir a continuidade do tempo e permitir resistir à
alteridade, ao ‘tempo que muda’, as rupturas que são o destino de toda vida humana;
em suma, ela constitui – eis uma banalidade – um elemento essencial da identidade, da
percepção de si e dos outros”.(ROUSSO, 1998, pp.94-95).

Como lembrou Jacques Le Goff, foram os gregos antigos quem fizeram da
Memória uma deusa, de nomeMnemosine. Ela era a mãe das nove musas procriadas no
curso de nove noites passadas com Zeus. Mnemosine lembrava aos homens a
recordação dos heróis e dos seus grandes feitos, preside a poesia lírica. Deste modo, o
poeta era um homem possuído pela memória, um adivinho do passado, a testemunha
inspirada nos “tempos antigos”, da idade heróica e, por isso, da idade das origens.
Portanto, na mitologiagrega, as musas dominavam a ciência universal e
inspiravam as chamadas artes liberais. As nove filhas de Mnemosine eram: Clio
(história), Euterpe (música), Talia (comédia), Melpômene (tragédia), Terpsícore
(dança), Erato (elegia), Polínia (poesia lírica), Urânia (astronomia) e Calíope
(eloqüência). Assim, de acordo com essa construção mítica, a história é filha da
memória. Entretanto, os cerca devinte e cinco séculos de existência da historiografia
demonstram uma relação ambígua e tensa entre Mnemosine e Clio...
• Doutorando pela Universidade de Campinas (UNICAMP), professor do curso de Licenciatura em
História das Faculdades Jorge Amado e da Universidade Estadual da Bahia (UNEB).

As últimas três décadas do século XX foram marcadas, entre inúmeras outras
transformações ocorridasna História, por uma reavaliação das complexas relações que
vinculam e que separam a história e a memória. Se há trinta anos atrás uma obra como
La mémoire collective (1950), de Maurice Halbwachs, não despertou um interesse
maior na comunidade dos historiadores, na década seguinte o quadro apresentou
alterações substanciais. Esse movimento de reavaliação dos elos entre a história e a
memóriafoi o resultado de um questionamento dos historiadores à visão tradicional
acerca dos campos supracitados, como veremos nos parágrafos seguintes.
Segundo Peter Burke (2000), a visão tradicional das relações entre a história e a
memória se apresentava sob uma forma relativamente simples: a função do historiador
era ser o guardião da memória dos acontecimentos públicos, quando escritos paraproveitos dos autores, para lhes proporcionar fama, e também em proveito da
posteridade, para aprender com o exemplo deles. Assim, para Cícero (106 a.C. -43
a.C.), a história era a vida da memória. Na mesma perspectiva, Heródoto (c. 484 a.C. -
425 a.C.), Jean Froissart (c. 1337-1410) e o Conde de Clarendon (1609-1674)
afirmaram que escreviam para manter viva a memória dos grandes fatos e feitosnotáveis.

Todavia, a explicação tradicional, na qual a memória reflete o que aconteceu na
verdade e a história espelha a memória, parece demasiado simplista na
contemporaneidade. A história e a memória passaram a se revelar cada vez mais
complexas. Lembrar o passado e escrever sobre ele não se apresentam como as
atividades inocentes que julgávamos até bem pouco tempo atrás. Tanto as...
tracking img