Laparotomias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1353 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
LAPAROTOMIAS

A laparotomia consiste, de acordo com o conceito da maioria dos cirurgiões, na abertura cirúrgica da cavidade abdominal com fins diagnósticos ou terapêuticos. Contudo, o termo significa algo um pouco mais específico: “secção em flanco” (laparon = flanco + tome = corte = ia). Nesse sentido, o termo mais amplo e mais correto etmologicamente seria Celiotomia (celio = abdome).Indicações

As laparotomias são geralmente consideradas como manejo definitivo para pacientes com lesões intra-abdominais significativas. Sendo assim, são indicadas com as seguintes finalidades:

A) Como via de acesso a órgãos intra-abdominais em operações eletivas;
B) Como via de drenagem de coleções líquidas identificadas na cavidade;
C) Como método diagnóstico, as chamadaslaparotomias exploradoras.


Em situações de traumas abdominais, as laparotomias são indicadas em situações em que forem identificados:
a) Sinais peritoneais presentes, como por exemplo, sinal de Blumberg positivo;
b) A presença de sangue ou conteúdo gastrointestinal na punção peritoneal
c) Lavagem peritoneal positiva, ou seja, identificando hemoperitônio;
d) Tomografia Computadorizadademonstrando a presença de sangue intra-abdominal, lesões viscerais significativas ou lesões vasculares.

Técnicas e Variações

De uma maneira geral, as laparotomias podem ser descritas da seguinte maneira, a qual está sujeita a algumas alterações, dependendo da incisão utilizada e da finalidade do procedimento:
1. Antibióticos pré-operatórios, como cefazolina 1g IV em adultos, porexemplo, que, em casos de laparotomias exploratórias por trauma abdominal, devem ser administrados ainda na emergência e, em cirurgias eletivas, deve-se administrar juntamente com a indução anestésica.
2. Preparo amplo do campo cirúrgico. Deve-se ter sempre em mente que poderá haver necessidade de ampliação da incisão cirúrgica.
3. Incisão precisa, com diérese realizada emplanos, já com vistas à boa reconstituição anatômica. Deve ser definido qual tipo de incisão é a mais adequada na determinada situação. As variações e indicações de cada tipo de incisões laparotômicas são discutidas mais adiante.
4. As prioridades durante a exploração da cavidade, após traumas, são: controle de hemorragia ( controle temporário de lesões intestinais ( exploração completa paraidentificar todas as lesões ( manejo de cada lesão especificamente. Em cirurgias eletivas, após a abertura da cavidade, é indicada a hemostasia cuidadosa e a realização do procedimento que gerou a indicação da laparotomia, sempre com técnica aprimorada para evitar complicações.
5. Fechamento – sutura em planos, buscando reduzir “espaços mortos”: inicialmente sutura-se o peritônio (algunsautores sugerem o não fechamento do peritônio); cada uma das três camadas musculares (transverso do abdome, oblíquo interno e oblíquo externo), em incisões medianas, é realizada a aproximação dos músculos reto abdominais com sutura contínua; aproximação do tecido celular subcutâneo; sutura da pele.

Escolha da Incisão
A incisão abdominal ideal é aquela que permite acesso fácil ao órgão visado,oferecendo segurança para a execução das manobras. Além disso, deve permitir reconstrução perfeita funcional, anatômica e esteticamente; permitir ampliação rápida e ser pouco traumatizante.
As incisões podem ser:
1) Longitudinais
a) Medianas: do apêndice xifóide até a sínfise púbica, sendo considerada uma “incisão universal” de acesso a qualquer órgão.
I) supra-umbilicais: do processoxifoide até o umbigo. A linha alba supra-umbilical não constitui boa localização para a incisão abdominal, uma vez que não oferece irrigação sanguínea adequada para o processo de cicatrização e é um local submetido a maior tensão, com apoio inseguro;
II) infra-umbilicais: do umbigo à sínfise púbica. Nessa região, as aponeuroses dos músculos passam unidas à frente do músculo reto, formando...
tracking img