Kkkkkkkkkk

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1099 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO AO C++

1. HISTÓRICO


Nos meados da década de 70, durante o projeto das primeiras versões do sistema
Operacional UNIX, as dificuldades encontradas motivaram o surgimento de uma nova
linguagem de programação, a qual estivesse voltada às necessidades inerentes ao
desenvolvimento do software, com poucas restrições, bem estruturada, de notação simples e, principalmente,eficiente, permitindo reduzir ao máximo a programação efetuada em linguagem de máquina, daí surgiu a linguagem C,.
A linguagem C teve seu início de padronização em 1983 e foi finalizado em apenas 1989.
Nesse período, um pesquisador e projetista de sistema incorporou um novo paradigma de programação, a orientação a objetos. A estrutura sintática da linguagem C foi tomada como base e associada aosconceitos de classe da linguagem Simula67 e de sobrecarga de operadores do Algol68. O resultado foi uma linguagem denominada inicialmente de C com classes que posteriormente virou C++.


3.CONCEITOS BÁSICOS


3.1. ESTRUTURA BÁSICA DE UM PROGRAMA EM C++

Todo programa C++ apresenta a seguinte estrutura:
- Diretivas do pré-processador;
- Área de declarações globais;
- Entradada execução;
- Área de definição de funções.

#include
#include

void main()
{
instruções
}

3.2. O PRÉ-PROCESSADOR C++

O pré-processador C++ é um programa que examina o programa fonte e executa certas modificações, com base em instruções chamadas diretivas.
- #include - esta diretiva provoca a inclusão do arquivo especificado no corpo do programa. Estes arquivos “.h”são chamados headers e possuem definições de constantes, macros, protótipos de funções, definições de tipos de dados complexos, funções inline e declarações de variáveis externas.
- #define nome valor – define constantes ou macros. Macros são nomes acompanhados por parênteses, com argumentos que serão utilizados no valor..
Ex:
#include
#define num 3
#undef num
3.3 OBJETO “cout”cout não é uma palavra reservado do C++. Na realidade é um objeto de uma classe
de I/O, predefinida em C++, no arquivo iostream.h.
Ela contém os elementos necessários para a execução de operações de entrada e saída.
O objeto cout está associado a saída padrão( geralmente o vídeo).
O operador “> a;

3.6. COMENTÁRIOS DENTRO DO PROGRAMA

// esta função tem por finalidade........

ou/*
este trecho de código
tem por finalidade...............
*/

3.7. TABELA DE PALAVRAS RESERVADAS DE C++

|asm |Auto |Bool |Break |Case |
|Catch |Char |Class |Const|Const_cast |
|Continue |Default |Delete |Do |Doublé |
|Dynamic_cast |Else |Enum |Explicit |Export |
|Extern|False |Float |For |Friend |
|Goto |If |Inline |Int |Long |
|Mutable |Namespace |New|Operator |Private |
|Protected |Public |Register |Reinterpret_cast |Return |
|Short |Signed |Sizeof |Static |Static_cast |
|Struct...
tracking img