Keynesianismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (266 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ESCOLAS ECONÔMICAS: KEYNESIANISMO
Em nosso trabalho abordaremos os seguintes tópicos:
• Quem foi o economista John Maynard Keynes
• Características da teoria econômica queleva seu nome
• Período em que o keynesianismo se destacou
• Análise das teorias keynesianas com ênfase no direcionamento para a atualidade
O keynesianismo é uma teoria totalmenteoposta ao liberalismo clássico, que defendia um mercado livre, sem intervenção estatal. Os economistas adeptos a esta escola econômica acreditavam que a economia tinha podersuficiente para se “auto-regular”. Contrariando este pensamento, John Keynes defendia a intervenção do Estado na economia. Para ele, somente o Estado teria poder suficiente paraconter um possível desequilíbrio na economia, através de investimentos públicos. Além disso, esta intervenção estatal que Keynes defende capacitaria a impressão de moeda para aumentara demanda através de “déficits orçamentários” do Estado e assim manter o pleno emprego.
John Keynes surgiu com sua teoria revolucionária em um dos períodos mais difíceis dahistória do capitalismo: a Grande Depressão, também chamada de Crise de 29. Naquele período, o mundo inteiro se questionou a respeito da eficiência do capitalismo. Após a crise, de umacoisa todos tiveram certeza: os supostos mecanismos autorreguladores que os economistas do liberalismo clássico defendiam não eram suficientes para manter a economia em harmonia.Oferecendo uma saída para aquela crise, Keynes, no ano de 1926, postulou a teoria keynesiana, que rompia totalmente a ideia liberalista e afirmava que o Estado deveria sim,intervir na economia. Foi deste modo que a escola econômica analisada pelo nosso grupo se destacou, tornando-se de suma importância para a recuperação do mundo econômico no pós-guerra.
tracking img