Karl marx parafraseado

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1063 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Karl Marx foi poeta filósofo, revolucionário e comunista, e por todas estas atribuições, teve vários conflitos com a religião, sociedade, e com a política capitalista, que iniciou em meados do século XVIII.
Uma das principais obras de Karl Marx foi “O Manifesto do Partido Comunista” redigida por Marx e Friedrich Engels em 1848, que teve como objetivo fazer uma analise da situação operaria nomundo.
  Usando como método de analise o modo de produção, Marx Relacionou burguesia x proletariado, e na primeira parte do Manifesto faz uma analise sobre o modo de produção capitalista, que impõe a sociedade uma divisão de duas classes.

“Por burguesia compreende-se a classe dos capitalistas modernos, proprietários dos meios de produção social que empregam o trabalham assalariado. Porproletários compreende a classe dos trabalhadores assalariados modernos que, privados de meios de produção próprios, se vêem obrigados a vender sua força de trabalho para poder existir.”(nota de F. Engels á edição inglesa de 1888, p. 4).

Apesar das suas opiniões do sistema capitalista, Marx exalta a burguesia pelo seu grande empreendimento de inclusão do capitalismo na sociedade, pois a burguesia seliberta dos dogmas da igreja, e passa a ter um pensamento livre e revolucionário.
A burguesia então começa a obter uma postura ativa diante do mundo.

“A burguesia, onde conquistou o poder destruiu todas as relações feudais, patriarcais, idílicas. Rasgou sem compunção todos os diversos laços [...].” (Marx 1848, p. 7)

Da mesma forma Berman diz:
“No manifesto a idéia de Marx é que a burguesiarealizou aquilo que poetas, artistas e intelectuais modernos apenas sonharam realizar maravilhas que ultrapassam em muito as pirâmides do Egito. (Berman,1986, p. 91)”.

No Manifesto comunista são apresentadas duas formas de contradição característica da sociedade capitalista, que, aliás, encontramos também nas obras cientificas de Marx:

A primeira é a contradição entre as forças e as relações deprodução. A burguesia cria incessantemente meios de produção mais poderosos [...] Aparece assim uma segunda forma de contradição, a que existe entre o aumento das riquezas e a miséria crescente da maioria. Dessa contradição sairá, um dia ou outro, uma crise revolucionaria. (Raymond, p. 196)

Marx desenvolve também, a idéia da alienação do trabalhador em relação em seu ofício. As pessoas nãosentem prazer com o seu trabalho, mas sim com o resultado final dele. Quando dividem o processo de produção, e cada um se limita a uma parte pré estabelecida, perde-se noção de classe. Os operários não se sentem como pertencentes a uma classe, e isso irá ser decisivo para o processo de alienação. 

"O proletário torna-se um mero acessório da máquina, e dele se exige apenas o manejo mais simples,mais monótono; mais fácil de apreender. Assim, os custos do operário se reduzem quase aos meios de subsistência de que necessita para o sustento e para a reprodução da sua espécie. [...] Massas de operários, reunidos na fábrica, são organizadas como exércitos. São colocados, como soldados rasos da indústria [...]" (Marx, 2002, p.13) 

Para o marxismo, o capitalismo é um sistema no qual a burguesiaconcentra o capital e os meios de produção (instalação, máquina e matéria-prima) e explora o trabalho do proletariado, mantendo-o numa situação de pobreza e alienação.
O desenvolvimento da burguesia segundo Marx corresponde segundo ele ao desenvolvimento do proletariado, estes que

“[...] só sobrevivem à medida que encontram trabalho, e só encontram trabalho à medida que seu trabalho aumentao capital [...] Estes, portanto, o proletariado não passa de mercadoria como quaisquer outras por este fato estão sujeitos “[...] a todas as flutuações do mercado” (MARX, 2002, p. 35).

O Capitalismo constrói e destrói, ele é excludente, tudo visa o lucro, com a concorrência sempre a porta, o capitalismo vira escravo do desenvolvimento frenético que ele próprio criou.

“Tudo o que é...
tracking img